DAE apresenta balanço ambiental nos últimos 12 meses

A Semana do Meio Ambiente teve início na segunda-feira (1), e se estendeu até nesta sexta-feira (5), data em que é comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente. Muitas das atividades educativas em comemoração a data, previamente planejadas pela Prefeitura e o DAE (Departamento de Água e Esgoto) de Santa Bárbara d’Oeste, foram suspensas devido ao período de isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus. Contudo, diversas ações educativas voltadas à preservação e valorização ambiental foram realizadas nos últimos doze meses.

No Museu da Água as atividades envolveram 1.020 alunos do ensino fundamental, além da participar também estudantes das escolas estaduais e particulares do município. A partir das medidas de isolamento social, a alternativa foi repassar o conteúdo de educação ambiental aos alunos através do canal virtual de educação ambiental. Arquivos de vídeos e textos com temas ambientais, voltados aos pais, alunos e professores, oferecendo suporte aos materiais didáticos, são os conteúdos que estão disponíveis no site: santabarbara.sp.gov.br/educacao/ambiental.

Confira as demais ações e atividades nos últimos doze meses:

– Programa Bacia Caipira: promove articulação entre Santa Bárbara e Piracicaba, em parceria com o governo estadual, com ações socioambientais na bacia hidrográfica do Rio Piracicaba, onde palestras, visitas técnicas, dinâmicas e troca de vivências são ministradas para grupos de terceira idade;

– Projeto Jacarandás Educador: ações educativas no Parque dos Jacarandás, no Mollon, com estudos do meio, observações de fauna, caracterização da nascente modelo, identificação de espécies arbóreas e suas características, oficinas lúdicas, jogos e dinâmicas em grupo;

– Projeto Gota d’Água: conta com a parceria do Consórcio PCJ, intensificando as ações de educação ambiental voltadas à gestão dos recursos hídricos, envolvendo escolas e suas comunidades;

– Projeto Conheça o DAE: voltado aos munícipes que tiveram a oportunidade de conhecer a autarquia do DAE, especialmente sobre as obras em andamento, os processos de tratamento de água e esgoto, o uso sustentável dos recursos hídricos e sua implicação na preservação ambiental;

– Programa Águas Bárbaras: visa à recuperação e preservação do meio ambiente. Foram plantadas 11.000 mudas nativas no entorno das matas ciliares das represas de abastecimento, ação que também integra o projeto de recuperação das matas ciliares, que totaliza o plantio de 252 mil mudas de árvores;

– Programa de Monitoramento de Fauna: são ações contínuas do DAE que ocorrem nos fragmentos florestais do município, que possui diagnóstico de diversas espécies dos grupos de avifauna, mastofauna e herpetofauna. Essa ação captou, recentemente, imagens de onças pardas próximas à represa São Luiz. Vale destacar nesse tempo os Programas de Monitoramento de Ictiofauna (peixes), de Qualidade de Água e de Controle de Erosão no entorno das represas.

Para as unidades do DAE, a Diretoria de Gestão Ambiental implantou no segundo semestre de 2019, a substituição dos copos plásticos de todas as unidades do DAE por canecas de fibra de coco, que foram entregues a todos os funcionários da Autarquia. Como resultado prévio dos seis meses da ação, houve uma redução de 175 mil copos plásticos, utilizados pelos funcionários.

Por fim, destaca-se a participação do DAE em parceria com a Prefeitura Municipal no Programa Estadual Município Verde Azul, que tem o propósito de medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental com a descentralização e valorização da agenda ambiental nos municípios. Dentre os 613 municípios do Estado de São Paulo que participaram, o município de Santa Bárbara d’Oeste garantiu pelo segundo ano consecutivo a Certificação Ambiental, elevando 25 posições no ranking ambiental (40º lugar), com 88,5 pontos.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE