Dado quer provar que Piovani estava drogada em briga

Os advogados de Dado Dolabella querem provar que Luana Piovani estava sob efeito de maconha quando foi agredida pelo ator em 2008, informou a coluna de Leo Dias, do jornal O Dia.

Uma testemunha disse em depoimento que a atriz pegava o cigarro de uma maneira diferente de como se pega um cigarro comum. O objetivo da defesa é desqualificar o depoimento da atriz.
Recentemente, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) decidiu anular a condenação de Dado. O Ministério Público do estado do Rio de Janeiro vai recorrer para enquadrar a agressão na Lei Maria da Penha.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE