Da TV para internet: BBB 21 transforma o telespectador em internauta

Assistir ao Big Brother Brasil (BBB) 21 pela televisão já não é o suficiente para os fãs interessados em observar o comportamento dos participantes. Atualmente, acompanhar o reality e interagir nas redes sociais tem se tornado tão importante quanto a observação via TV. Prova disso é o aumento de 519% no número de usuários navegando pela página oficial do programa este ano, na comparação com 2020.

Na estreia do BBB 21, o público visitante da página saltou de 574 mil para 3,5 milhões. Os dados são de um levantamento da ComScore – que faz análises de informações de marketing – e revelam também que, quando se compara o crescimento conjunto das redes do programa pelo Instagram, Facebook e Twitter, percebe-se um crescimento de 36% de um ano para outro. Ou seja, de 16,1 milhões de seguidores para 21,9%.

 

Para a CEO da Connect Soluções Digitais, empresa especializada na elaboração de infoprodutos voltados para o marketing digital,  Ana Paula Araújo, o aumento do número de usuários pode ser justificado por dois fatores.

“A pandemia é o principal fator de interação nas redes ultimamente. As pessoas, isoladas dos convívio social, estão se relacionando pela internet. É por meio virtual que expõem suas opiniões, interagem e, de certa maneira, co-participam do programa”, pontua. “Outro fator que pode explicar esse boom de crescimento é a quantidade de polêmicas que, em pouco tempo, o programa já proporcionou ao público. As pessoas querem saber o que está acontecendo por lá  levar os assuntos debatidos dentro da casa para o mundo real”, completa.

 

A especialista ainda destaca como esse crescimento pode impactar no mercado digital e como as empresas podem aproveitar a tendência para crescer junto.

 

“A internet possibilita a interação e a conectividade. Ainda que alguns temas possam parecer distantes do seu segmento de negócio, estar por dentro do que está sendo falado, do que as pessoas estão buscando é fundamental. Deste modo, empresas e serviços podem se engajar usando hashtags, relacionando conteúdos e associando a marca aos trendings do momento”, finaliza.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE