Cursos online seguem em alta

Segundo o professor de gestão de pessoas, Vagner Sandoval, especialista em liderança e coach executivo, há aproximadamente cinco anos o mercado resistia em aceitar a formação ou especialização à distância. Porém, atualmente, esta posição mudou drasticamente. ???A modalidade ganhou tanta aceitação e força junto aos alunos e às instituições de ensino, que não há mais como pensar em desvalorizar um currículo porque a certificação da pessoa foi online???, destaca ele.
A notícia é boa para quem deseja alavancar a carreira através da educação. O ensino à distância (EAD) está em alta e vem crescendo no país. Uma pesquisa do Ministério da Educação, feita entre 2003 e 2013, revela que das 3,3 milhões de matrículas no ensino superior, um terço foram de cursos à distância. Em dez anos, o número saltou de 49.911 alunos, para 1.153.572 em 2013. Do total, 86% correspondem a instituições particulares.
Em 2014, de acordo com dados da Associação Brasileira de Educação a Distância (ABED), o total de matriculados ultrapassou a marca de 3,8 milhões e vem crescendo em ritmo mais acelerado que a educação presencial. Os números de 2015 mostraram que enquanto o ensino presencial teve um crescimento de 2,3% nas matrículas em relação a 2014, o EAD teve expansão de 3,9%.
Para o presidente da IBE-FGV, Heliomar Quaresma, essa é mais uma etapa do planejamento da instituição de levar formação de qualidade para os líderes e futuros executivos da região para atender à demanda do mercado.
????? uma possibilidade que a instituição oferece para quem quer se preparar e crescer profissionalmente. No mundo corporativo atual, o tempo parece ter se tornado uma questão de luxo. Com os cursos online, eliminamos desperdícios de tempo com trânsito, combustível e outros fatores que muitas vezes impedem os profissionais de se capacitarem em cursos presenciais. ?? uma demanda do mercado e nós estamos sempre atentos a isso???, finaliza.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE