Curso de beleza é opção para desempregados

Através do Fundo Social de Solidariedade, a Prefeitura de Nova Odessa começa mais uma qualificação gratuita através da Escola de Beleza, do Governo do Estado. São 20 pessoas na turma do curso de Design de Sobrancelha com Henna, que iniciou aulas nesta segunda-feira no CAS (Centro de Atendimento Social) do Jardim São Jorge. O foco são pessoas desempregadas e sem qualificação na área.

A oficina é desenvolvida por meio de parceria com a empresa Acta Cursos e tem carga de 36 horas/aula, sendo a qualificação composta de 3 horas semanais (das 13h30 às 16h30) com a esteticista Rosilene Lobão. São 19 mulheres e um homem, selecionados pela coordenadora do CAS, Solange Paulon, através de atendimentos específicos realizados na própria unidade de assistência social.
O objetivo do curso é, através da qualificação, gerar trabalho e renda para os cidadãos novaodessenses, principalmente mulheres desempregadas e sem uma especialização profissional. Além disso, segundo a coordenadora do CAS, o foco do projeto é as pessoas que apresentam perfil e não tenham condições financeiras de pagar por um curso dessa qualidade. “Quem gosta da área”, resume Solange Paulon.
Para a desempregada Priscila Inácio de Freitas, de 30 anos, o curso é a esperança de conseguir voltar ao mercado de trabalho de alguma maneira. “?? uma oportunidade que estão dando pra gente e não se pode desperdiçar”, ressalta. “Uma chance concreta de trabalhar no futuro”, emenda Pamela Maini de Oliveira, 24. Ambas gostam da área de beleza e pretendem se especializar no assunto.
Andrea Cristina Pinheiros, 34, nem bem começou o curso e já vislumbra a clientela de design de sobrancelhas. “Arrumei até clientes para depois que terminar o curso”, revela. “A família toda e os amigos ficaram felizes quando ligaram oferecendo o curso pra mim”, conta. Para Débora Rosimary de Souza, 50, “o valor desse tipo de curso é alto e, quando se procura, é quando normalmente menos se pode pagar”.
POTENCIAL – “A Administração acredita no potencial das pessoas, investindo na qualificação profissional. Para que possam, por conta e mérito próprios, gerar complemento de renda mensal em suas famílias”, destaca a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Andréa Souza. “?? um olhar especial do prefeito Bill para as pessoas que mais precisam”, completa.
Levando-se em conta somente os dias úteis dos últimos quatro anos, em média, pelo menos uma pessoa por dia obteve um certificado de conclusão de curso profissionalizante oferecido pela Prefeitura Municipal, com apoio do Fundo Social de Solidariedade. São mais de 1.100 pessoas de Nova Odessa que se formaram em um dos 13 cursos gratuitos oferecidos pela Administração Municipal desde 2013.
Foram oferecidos na Escola de Beleza, que fica dentro do Clube da Melhor Idade, os cursos de Design de Sobrancelhas e Depilação, Manicure, Massoterapia, Maquiador e Auxiliar de Cabeleireiro, além de qualificação de Artesanato em Fitas, Patchwork, Artesanato em Chinelos e Corte e Costura. As oficinas foram realizadas também no CAS do Jardim São Jorge e no CRAS do Jardim das Palmeiras.
Como extensão para os cursos do Fundo Social ligados à área da gastronomia, foram ofertados na cozinha industrial do CTVP (Centro de Treinamento e Valorização Profissional) ‘Dr. Atayde Gomes’ outros três cursos: Padaria Artesanal, Kit Festa e Produção de Panetones. E, através de parceria com o Sesi, também foi oferecido o curso “Alimente-se Bem”, em uma unidade móvel instalada em frente à Prefeitura.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE