Cuidado com roupas para evitar gafes nas reuniões corporativas online

Com o isolamento social e o distanciamento físico impostos pela pandemia, as reuniões online assumiram um papel de grande importância para manter o funcionamento de empresas e órgãos públicos em dia. Porém, da mesma forma como os encontros formais no ambiente profissional, o meio web também requer postura de todos os envolvidos, e isso também se aplica ao vestuário da pessoa.

“Não é porque ela está em casa que isso dá liberdade que o funcionário, gestor ou o agente público possa participar da reunião com um traje informal. As exigências de cada trabalho ainda devem ser consideradas de grande importância, ainda que fisicamente cada um que ali esteja participando esteja em um ambiente diferente”, ressalta o ator e influenciador Daylon Martineli. “Caso algumas regras básicas sejam seguidas, seguramente tantas gafes como vemos por aí seriam evitadas”, acrescenta.

Além de atuar nos palcos como ator e cantor, e fazer sucesso na web como influenciador, Daylon também é formado em Administração em Comércio Exterior. Por isso, ele sabe bem como a vestimenta é essencial em cada reunião de trabalho. “É inevitável não lembrar que o seu vestuário conta muito sobre seu estilo, seu propósito e o que você deseja passar naquele momento tão importante. Por isso, ainda que você não esteja no mesmo ambiente físico que as outras pessoas, a sua imagem continua chegando até aos outros exatamente pela qualidade das ferramentas tecnológicas que existem atualmente. Então é como se você tivesse ao lado de todo mundo na reunião, o que mostra que essa exigência e cuidado deve ser sempre lembrado ao entrar na sala de vídeo”, pondera.

“Um grave problema que ainda persiste é que as pessoas não entendem é que aquilo fica gravado, ou seja, dependendo da importância do encontro, aquilo pode ficar registrado para sempre. Por isso, essa preocupação em se arrumar e estar bem para as câmeras deve ser sim um fator determinante para o início de um vídeo call ou chamada de vídeo. Por outro lado, o que mais acontece são os profissionais que se arrumam da cintura pra cima e esquecem da parte de baixo, e isso ‘vazar’ na câmera em algum momento, como por exemplo: ao levantar na hora de pegar uma água ou até mesmo arrumar o celular ou a câmera no tripé”, explica Daylon.

O próprio influenciador conta que já passou por uma gafe neste sentido: “Estava usando uma roupa íntima na parte de baixo um blazer com camiseta branca na parte de cima. Achei que a imagem estava focando apenas no meu corpo, mas ao me levantar para pegar uma garrafa as pessoas viram o traje em que eu estava”. Com bom humor naquele momento, ele justificou a falha: “Disse a eles para aprender que, mesmo no mundo digital, a roupa de trabalho para encontros por vídeo o look deve sempre estar sempre completo, alinhado e até cheiroso”, orientou.

Diante destas situações, Daylon reforça a necessidade de estar sempre bem vestido, assim gafes como essa serão seguramente evitadas: “Sempre há algum momento em que precisamos nos levantar ou deslocar para fazer alguma coisa. Então por que não se vestir por completo para a reunião? Assim é possível evitar situações constrangedoras e tudo vai correr como se estivesse no escritório com as demais pessoas. E não esqueça também de sempre ficar atento se o microfone está aberto ou a câmera ligada, pois outras gafes podem acontecer por causa disso. Mas isso é tema para outra conversa”, conclui Daylon.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE