Crise do corona derruba produtividade das Câmaras

 Crise do corona derruba produtividade das Câmaras

Apenas Câmara de Sumaré teve aumento na produtividade

A crise do coronavírus derrubou a produtividade das Câmaras Municipais de Americana, Santa Bárbara e Nova Odessa. Apenas Sumaré teve aumento no número de proposituras protocoladas durante a pandemia em relação ao mesmo período do ano passado.

A análise foi feita durante o período de 25/03/2020 a 19/05/2020. Em Americana, a redução de protocolos foi de 86,4% em relação ao mesmo período do ano passado. Neste ano foram protocolados pelos parlamentares 204 documentos enquanto em 2019 foram 1497.

Já em Santa Bárbara a porcentagem é menor apesar de também registrar grande queda. Em 2020 foram 400 protocolos e em 2019, no mesmo período, foram 1064. Redução de 63%.

Em Nova Odessa, no período de pandemia os vereadores protocolaram apenas 3 documentos, enquanto em 2019, nas mesmas datas, foram 331 protocolos. Uma redução de 98%.

NORMALIDADE. Na contramão das vizinhas, Sumaré teve aumento na produtividade. No período em 2019 foram 992 proposituras protocoladas, enquanto em 2020 foram 1076.

As quatro Câmaras estão fechadas para o público devido à pandemia. Alguns vereadores e assessores continuam frequentando a Câmara e divulgando as ‘atividades’ do dia-a-dia. Americana e Nova Odessa estão com as sessões ordinárias suspensas. O modelo virtual só está sendo usado em sessões extraordinárias. Sumaré e Santa Bárbara seguem com as sessões ordinárias normalmente, de forma virtual.

Relacionados

Leave a Reply