Coronavírus. Vereadores se posicionam e avaliam crise

Cinco dos vereadores de Americana se posicionaram, a pedido do NM, a respeito da crise sanitária e econômica que aflige a cidade. Para o vereador Kim- Solidariedade- a cidade conta com um baixo índice de casos positivos do Covid 19; 56 confirmados no total, hoje sendo que destes 35 já estão curados, 17 cumprem isolamento domiciliar e, infelizmente, 4 pessoas chegaram a óbito. 
“Comparando os números com o de outras cidades maiores que 180 mil habitantes, os índices de nossa cidade estão melhores que a média, graças à população de Americana que fez por merecer. São décadas de trabalho pela qualidade da vida urbana. A grande maioria das famílias reside numa moradia digna, com a infraestrutura básica de água, energia e esgoto, permitindo um isolamento social mais eficaz que a média das cidades do mesmo porte.” “No campo econômico muitos estão reinventando seus negócios e buscando se readequar a esta nova realidade.  Hoje pela manhã precisei comprar um material hidráulico e elétrico para reparar minha residência. Foi exemplar o tratamento cuidadoso do estabelecimento. Todos com mascaras (trabalhadores e clientes). Entrada controlada por senhas obedecendo o distanciamento, evitando aglomeração. Álcool em gel e limpeza do piso sem economia. O espírito de solidariedade da nossa gente falou alto. O empreendedorismo também.”
Um grupo de amigos dedicados construíram o site www.americanasolidaria.com.br, para aproximar gratuitamente os clientes dos fornecedores, aquecendo a economia local.
MECHE QUER MERCADO ABERTO- “Nas últimas semanas passei por praticamente todas as unidades públicas de saúde de Americana e constatamos que o SUS em Americana não opera com sobrecarga, se compararmos com outras cidades do país, mas infelizmente há falta de equipamentos de proteção individual para os profissionais da saúde. Não fossem as diversas doações sendo feitas atualmente, a situação estaria crítica. Nessa situação de emergência extrema, entreguei milhares de materiais, como álcool em gel e máscaras, nessas unidades. Eu venho apontando a necessidade de reabertura do PA no Parque Gramado, pois temos uma região com população de baixa renda e com dificuldade de acesso às unidades de emergência 24 horas. Considerando os dados da vigilância epidemiológica, a taxa de letalidade tem sido baixa, para nos mantermos dessa forma eu acredito que mais normas de controle sanitário precisam ser publicadas pelo governo municipal, a ênfase em medidas profiláticas é sempre o melhor caminho. A realidade é clara, mesmo com as proibições de abertura do comercio, muitos seguem trabalhando, a proibição tem afetado nossa cidade seriamente, já que aqui o setor de serviços predomina, tem que haver diálogo para flexibilização responsável das atividades econômicas.”
RENATO MARTINS V?? Com preocupação, pois apesar dos números serem relativamente baixos em comparação com outras cidades do mesmo porte, todos nós sabemos que o sistema de saúde tanto municipal como nas outras esferas não teriam capacidade para absorver os eventuais infectados se houver um crescimento muito rápido de casos.

WELINTON REZENDE disse ver,  diante dos dados técnicos  que temos diariamente, que nossa cidade não esta com infestação tao acentuada, mas temos que manter a segurança e respeitar as determinações da OMS para afastamento e isolamento social e uso adequado de mascaras e álcool gel. Para que não tenhamos agravamento da contaminação e por consequência o aumento de casos , que traria maior dificuldades aos sistema de saude da cidade. Mas conseguindo manter este quadro com pouca contaminação ,seria pertinente ir pensando no plano de volta gradual e programada do comercio .
PARA GIOVANA FORTUNATO, o número de casos ainda está abaixo do esperado. A próxima semana vai nos dar uma boa noção de como deve se comportar por aqui. Pois já estamos em um afrouxamento indevido por quase 10 dias. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE