Coronavírus. Bill proíbe eventos e ‘corta’ atividades da 3ª idade

O prefeito de Nova Odessa, Bill, anunciou nesta sexta-feira (13), em entrevista coletiva, uma série de procedimentos para prevenir o coronavírus em Nova Odessa. Embora o município não tenha casos suspeitos ou confirmados de Covid-19, as medidas que entram em vigor na segunda-feira (16). Elas incluem um decreto que suspende todos os eventos em espaços públicos municipais fechados, a interrupção das atividades esportivas e socioculturais com idosos em espaços administrados pela Prefeitura, a suspensão de cirurgias eletivas e a redução dos horários de visita no Hospital e Maternidade Municipal ‘Dr. Acílio Carreon Garcia’, além da ampliação das ações de orientação à população e reforço no atendimento nas cinco UBS’s (unidades básicas de saúde) da cidade. As ações foram anunciadas após reuniões extraordinárias do prefeito com o secretariado e do Comitê de Prevenção e Combate ao Coronavírus, instituído no mês passado.
Conforme estabelece o decreto número 4.169, publicado na edição deste sábado (14) do Diário Oficial do Município, “ficam suspensos todos os eventos públicos, nos espaços públicos municipais fechados, enquanto perdurar o estado de emergência de saúde pública”. O texto ainda limita em 100 pessoas a autorização ou a realização de eventos públicos em espaços municipais abertos e atribui às secretarias de Saúde e de Esportes, Cultura, Lazer e Turismo a prerrogativa de imposição de outras restrições.
Ao editar o decreto, o prefeito Bill reforçou a necessidade de o município adotar ações preventivas articuladas com os governos estadual e federal. “O número de casos sobe a cada minuto; já são quase 200 infectados no país. No mundo, são mais de 130 mil, com milhares de mortes. A hora de agir é agora”, afirmou o chefe do Executivo.
Para proteger os idosos, principal grupo de risco do Covid-19, a Diretoria de Gestão Social e Cidadania suspendeu todas as atividades no Clube da Melhor Idade, no Cras (Centro de Referência de Assistência Social) ‘José ??lcio Covalenco’, no Jardim das Palmeiras e no CAS (Centro de Assistência Social) do jardim São Jorge. Principal espaço de convivência de pessoas com mais de 55 anos no município, o clube tem 1,5 mil frequentadores matriculados, sendo 1.216 ativos. Nos dois centros de assistência, são dois mil idosos inscritos. As sessões de hidroterapia no Setor de Fisioterapia ‘Luzia Afonso de Meira’, cuja maioria dos frequentadores tem mais de 60 anos, também estão suspensas.
A partir da próxima semana, uma equipe da Saúde visitará a Vila da Melhor idade, que concentra 30 casas adaptadas para pessoas com mais de 60 anos no Jardim Santa Rita 2, para orientá-los sobre como prevenir a doença e identificar eventuais suspeitas.
Além dos idosos, outra preocupação do município é o grande fluxo de pessoas no complexo que abriga o Hospital Municipal, a Maternidade e a Clínica Médica, que amplia as chances de transmissão de doenças. Para mitigar o problema, os horários de visita serão reduzidos: os pacientes em observação não poderão receber visita; na sala de estabilização do HM, diariamente, serão permitidas apenas duas pessoas por paciente, entre 7h30 e 8h; e na Clínica Médica e Maternidade, cada paciente poderá receber dois visitantes por dia em cada período – das 14h às 14h30 e das 19h às 19h30.
CIRURGIAS SUSPENSAS. Com objetivo de diminuir o risco de infecções, a Secretaria de Saúde suspendeu as cirurgias eletivas nas áreas de ortopedia, dermatologia, ginecologia e urologia. Atualmente, são realizados aproximadamente 50 procedimentos por semana. O município também vai fazer a compra de máscaras e álcool gel e reforçar a capacitação de servidores da saúde, a limpeza das unidades de atendimento e a classificação de risco dos pacientes.
“Pedimos às pessoas que chegarem de viagem ao exterior ou que tiverem contato com casos suspeitos que fiquem em casa e liguem para a UBS perto de sua residência. A partir de segunda-feira, vamos reforçar o atendimento telefônico nas unidades e quem ligar será atendido por uma enfermeira treinada, que avaliará o caso e orientará o usuário sobre como proceder. Quem tiver sintomas de gripe recomendamos que procure a unidade básica mais próxima; o hospital deve ser evitado”, explicou o secretário de Saúde, Vanderlei Cocato.
As unidades básicas de saúde atendem nos telefones 3466-1493 (UBS 1), 3466-2329 (UBS 2), 3466-1275 (UBS 3), 3476-6809 (UBS 4) e 3498-2732 (UBS 5).
ORIENTA????ES. Entre as medidas anunciadas nesta sexta está a intensificação das ações de orientação iniciadas no início do mês pela Secretaria de Saúde. Sob o comando da diretora da Vigilância em Saúde, Priscila Peterlevitz, e da coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Paula Mestriner, uma equipe vai percorrer escolas, empresas e órgãos públicos municipais e estaduais para falar sobre a doença e formas de prevenção.
A orientação também será feita aos 60 mil moradores da cidade, por meio de informativos que serão entregues junto com as contas de água e esgoto emitidas pela Coden Ambiental. Além disso, a Secretaria de Educação vai reforçar a comunicação com pais alunos, encaminhando panfleto com dicas preventivas práticas. A medida já havia sido adotada pela pasta no final do mês passado.
Também ficou definido que a Diretoria de Comunicação da Prefeitura emitirá boletins diários, sempre às 17h, com informações sobre o panorama da doença no município.
ESPORTES, CULTURA E LAZER. Estão suspensos todos os eventos em espaços públicos fechados (Teatro Municipal ‘Divair Moreira’ e ginásios) e as viagens das delegações esportivas para competições fora de Nova Odessa.
EDUCA????O. Além do reforço da orientação a pais e alunos, foram adiadas as atividades com aglomeração (planejamento de projetos, cursos e capacitação de professores e dirigentes) e a secretaria estuda a antecipação do recesso escolar. A Prefeitura de Nova Odessa também estuda antecipar as férias dos servidores com 60 anos ou mais
As medidas em vigor a partir de segunda valem enquanto vigorar o estado de emergência de saúde pública internacional declarado pela ONU (Organização das Nações Unidas).
Também participaram da entrevista – que atraiu repórteres de jornais, portais de notícia e emissoras de televisão de Nova Odessa e região – o secretário de Esportes, Cultura, Lazer e Turismo, Levi Tosta, a secretária de Educação, Claudicir Brazilino Picolo, a secretária-adjunta de Desenvolvimento Econômico e Gestão Social, Regina Pocay, e o vereador Elvis Garcia, o “Pelé”, líder do governo na Câmara Municipal.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE