Consumidor mais desanimado em maio

(Reuters) – O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da Fundação Getulio Vargas voltou a cair em maio ao recuar 0,4 por cento na comparação com abril, ao passar de 113,9 pontos para 113,4 pontos, informou a FGV nesta sexta-feira.

Em abril, o índice havia interrompido uma sequência de seis quedas seguidas ao manter-se estável.

O Índice da Situação Atual (ISA) subiu 0,9 por cento, passando de 121,6 pontos em abril para 122,7 pontos em maio. Mas o Índice de Expectativas recuou 1,2 por cento, de 109,6 pontos para 108,3 pontos no período.

O quesito que mede o otimismo com a situação financeira das famílias nos seis meses seguintes foi o que mais influenciou a queda da confiança em maio, segundo a FGV. A parcela de consumidores projetando melhora da situação financeira das famílias diminuiu de 41,3 por cento para 38,7 por cento, enquanto a dos que preveem piora aumentou de 4,3 por cento para 5,0 por cento.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE