Edit

Consimares conhece projeto espanhol para tratamento de lixo

Técnicos do Consimares (Consórcio Intermunicipal de Resíduos Sólidos) conheceram na manhã desta quarta-feira, dia 17, uma nova tecnologia para tratamento de resíduos sólidos. O espanhol Carlos Alonso, da empresa espanhola Eco Hispânica, esteve em Nova Odessa a convite do consórcio e apresentou o projeto que desenvolve em Rivas-Vaciamadrid, em Madri.

O evento contou com participação de técnicos do Consimares e da Secretaria de Meio Ambiente de Nova Odessa e também de representantes de outras cidades da região. O vereador Sebastião Gomes dos Santos, o Tiãozinho do Klavin, também participou da reunião, representando o conselho fiscal do consórcio.
Durante o encontro Alonso apresentou o projeto para tratamento de resíduos que desenvolve desde 2010 em Rivas-Vaciamadrid. Além da separação de todo material reciclável, a iniciativa promove ainda o aproveitamento do lixo orgânico como fertilizante e geração de energia a partir de vapor.
O encontro foi aberto pela secretária de Meio Ambiente de Nova Odessa, Carla Lucena, que destacou a importância da destinação correta dos resíduos sólidos e o trabalho desenvolvido pelo Consimares.
“O Alonso conheceu o Consimares e se interessou pelo trabalho que desenvolvemos. Fizemos o convite para que viesse à Nova Odessa expor sua experiência com o tratamento de resíduos sólidos e agora vamos verificar a possibilidade de desenvolver um projeto específico para a nossa região”, explicou o superintendente do consórcio, Valdemir Aparecido Ravagnani.
Presidente do Consimares, o prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza, que se reuniu com Alonso antes da apresentação aos técnicos, destacou que o projeto espanhol utiliza tecnologia limpa, além de diminuir em cerca de 70% o volume dos resíduos orgânicos. “Estamos constantemente em busca de novas tecnologias, de modelos que deram certo e que podem servir de base para nossa região. Será muito importante obter mais informações sobre este projeto”, afirmou.
Segundo Alonso, a iniciativa realizada na cidade espanhola é considerada inovadora e oferece maior aproveitamento econômico e ambiental dos resíduos, que geralmente são descartados sem os devidos cuidados pela população.
“Com a vinda do Alonso, iniciamos um processo de troca de informações. Apresentaremos dados sobre as cidades que integram o consórcio e ele apresentará um projeto adequado à nossa realidade”, explicou Ravagnani. Atualmente Nova Odessa, Sumaré, Hortolândia, Santa Bárbara d’Oeste, Monte Mor, Elias Fausto e Capivari integram o Consimares.
“A tecnologia que utilizam neste projeto na Espanha, além de evitar queima e emissão de gases, reduz a quantidade de resíduos e utiliza baixo volume de água no tratamento. Para nós é muito importante conhecer e analisar estas tecnologias”, continuou.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE