Confundidos com atores pornôs turistas são presos no Egito

(Foto Ilustrativa)
Durante um mergulho em um resort no Egito, turistas europeus foram presos e acusados de estarem filmando um filme pornô. A “inexperiência” de um policial egípcio foi usada como justificativa pela prisão de um grupo de ao menos 10 turistas. Após alguns dias presos, os turistas foram liberados no domingo. 
O ex-procurador geral egípcio, Abdel-Meguid Mahmoud, enviou uma carta pública ao ministério das Telecomunicações sugerindo que materiais pornográficos deveriam ser banidos do país, baseado em um caso julgado em 2009. A questão segue polêmica no país.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE