Collor vê Bolsonaro ‘no caminho da cova’

Do ex-presidente Fernando Collor de Mello, que sofreu impeachment em 1992 e hoje é senador da República por Alagoas. 
20hCabe ao presidente da República reunificar o Pais. Mas o que estamos vendo é a divisão entre pessoas, famílias e amigos. Isso é muito ruim. O problema é grave e de consequências imprevisíveis. Experiência não se transfere; se transmite. Eu já vi esse filme e não foi bom.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE