Câmera registra maus-tratos a cão durante gravação

Vazaram imagens da gravação de uma das cenas do filme, “Quatro vidas de um cachorro” em que o cão ator, um pastor alemão, é forçado a entrar em uma piscina com correnteza. No registro, o cão se mostra desesperado e apavorado com a força da água, mas acaba jogado. 
Já dentro da água, em uma das partes, o cão desaparece e é possível ouvir gritos pedindo para que parasse a gravação. 
A Universal Pictures se posicionou diante da repercussão do vídeo: “Promover um ambiente seguro e garantir o tratamento ético de nossos atores animais foi de extrema importância para aqueles envolvidos na realização deste filme e vamos analisar as circunstâncias desse vídeo”.
Em nota, a ONG PETA pede para que a população boicote o filme.
“A PETA está convidando os amantes de cães a boicotar o filme ???4 Vidas de um Cachorro??? para passar a mensagem de que cães e quaisquer outros animais devem ser tratados com humanidade, e não como peças descartáveis de filmes. A nossa investigação sobre a empresa que comercializou os cães para o filme revelou que os animais não tiveram cuidados veterinários nem antes nem durante ou depois das gravações; foram forçados a dormir ao ar livre no frio, sem cama ou algo para se aquecerem; tiveram que ficar em ambientes sujos e sem banho regular; e muito mais.”

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE