Ciro treta com Dilma e acusa Lula de ter traído sucessora

O ex-governador do Ceará e pré-candidato à presidência Ciro Gomes (PDT) afirmou estar ‘seguro’ de que Lula conspirou a favor do impeachment de Dilma Rousseff, sua sucessora, em 2016.

Como base a suas afirmações, Ciro mencionou o fato de Lula ter mantido contato com integrantes do chamado ‘centrão’ e pensar em alianças com o grupo para as eleições de 2022. “Eu atuei contra o impeachment e quem fez o golpe foi o Senado Federal. Quem presidiu o Senado? Renan Calheiros. Quem liderou o MDB nessa investida? O Eunício Oliveira. Com quem o Lula está hoje?”, afirmou, em entrevista ao podcast Estadão Notícias. “Hoje eu estou seguro que o Lula conspirou pelo impeachment da Dilma, estou seguro.”

 

Em resposta às declarações, Dilma acusou Ciro de estar “tentando de todas as formas” reagir à sua baixa aprovação popular.
“Mais uma vez ele mente de maneira descarada, mergulhando no fundo do poço. O problema, para ele, é que usa este método há muito tempo e continua há quase uma década com apenas 1 dígito nas pesquisas”, disse.
A fala da ex-presidente irritou o político, que utilizou as redes sociais para responder. “Na vida nunca menti. Mas errei algumas vezes. Uma delas quando lutei contra o impeachment de uma das pessoas mais incompetentes, inapetentes e presunçosas que já passaram pela presidência. Claro, que estou falando de você, Dilma”, escreveu.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE