Choco faz balanço da dívida da pref

O prefeito de Americana, Paulo Chocolate (PSC) resolveu expor a crise financeira da prefeitura. Sem pagamento dos salários, os servidores estão em greve desde a última terça-feira. “Em 20 dias que estamos aqui, apuramos mais de R$ 500 milhões em dívidas. E vai aumentar porque ainda não encontramos todos os documentos necessários para finalizar o balanço. Mas vamos apresentar à população hoje e à imprensa a situação em que encontramos a cidade. Temos força de vontade e coragem para isso”, disse o prefeito Paulo Chocolate. Com base no levantamento realizado até agora pelas Secretarias da Fazenda e Negócios Jurídicos, foram constatadas as seguintes dívidas: R$ 32 milhões com INSS (dívida contabilizada), podendo chegar a R$ 230 milhões; R$ 109 milhões com o AMERIPREV; R$ 9 milhões com FGTS; R$ 3 milhões com empréstimos consignados que foram descontados do salário dos servidores e não repassados aos credores; R$ 98 milhões em dívidas com fornecedores, sendo que isso não corresponde à dívida total, pois grande parte está sem empenho e não foi contabilizada; além de R$ 5 milhões em débitos com o PASEP, que também foi descontado e não recolhido ao governo federal. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE