Chico assina contratos do Residencial Nova Aliança, na Praia Azul

O prefeito de Americana, Chico Sardelli assinou, nesta sexta-feira (7), no Paço Municipal, os contratos da Caixa Econômica Federal (CEF) referentes ao Residencial Nova Aliança, em construção da região da Praia Azul, numa parceria entre Prefeitura de Americana, ASTA (Associação dos Sem-Teto de Americana), CEF e empreendedores. A assinatura tem poder de escritura pública dos imóveis.

 

Serão 158 unidades contratadas no primeiro módulo. Entre junho e julho, serão mais dois módulos, sendo 162 unidades e 210 unidades em cada um deles.

As obras do empreendimento começaram em março deste ano e até o momento, são 40 casas cobertas e mais 40 em fase de cobertura. A previsão de entrega é para setembro e novembro de 2022. As tratativas para o empreendimento ocorrem desde 2015, na última administração.

 

Em uma cerimônia simbólica com a presença do vice-prefeito Odir Demarchi, do secretário municipal de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Luiz Carlos Cezaretto, e dos vereadores Nathalia Camargo, Thiago Brochi, líder de governo, e Thiago Martins, presidente da Câmara, Chico assinou os contratos em benefício de três famílias: Maria do Socorro da Conceição, Débora de Souza e do casal Mayne Alves Manfrinato e Julio Manfrinato. Os beneficiados foram contemplados com subsídios dos programas do governo federal “Casa Verde e Amarela” e do governo estadual, “Casa Paulista”. O evento contou ainda com a presença de representantes da Asta, Caixa Econômica Federal e das empresas Domínio e Souza Araújo, responsáveis pela obra.

Chico destacou o desejo da administração em incentivar a habitação no município. “Estou muito feliz e, com o Odir, quero ser um instrumento para realizar o sonho de mais famílias, que é o sonho da casa própria. Como sempre falo, estou  feliz mas quero mais para minha cidade”, disse.

Cezaretto confirmou o empenho das equipes de trabalho neste sentido. “Para mim é uma grande satisfação participar desse momento. Quero falar para vocês da cobrança do prefeito Chico Sardelli para que a gente concretizasse essa ação o mais rápido possível e aqui estamos. Que Deus abençoe aqui cada lar aqui representado”, declarou.

As moradias terão o valor médio de R$ 130 mil, sendo casas de 53 m² com dois dormitórios, sala, cozinha e banheiro e terrenos de 150 e 220 m². O empreendimento será instalado em uma área total de 160 mil metros quadrados, com o investimento total de aproximadamente R$ 70 milhões, segundo a Secretaria de Habitação.

As unidades atendem a demanda de cadastro habitacional da prefeitura e também dos associados da Asta. O projeto de loteamento de interesse social e o gerenciamento da obra para a construção das moradias são de responsabilidade da Asta

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE