Censo animal: Nova Odessa tem 12,2 mil cães e gatos

Nova Odessa tem uma população atual de 12.224 cães e gatos. É o que aponta o censo animal divulgado nesta quinta-feira (13) pela Secretaria de Saúde do município. O levantamento, realizado por agentes do Setor de Zoonoses, reúne dados detalhados de caninos e felinos espalhados por 63 bairros da cidade, inclusive chácaras.

De acordo com o censo, 88% dos animais vivem em áreas urbanas. São 10.788 cães e gatos distribuídos em 50 bairros. A maioria deles está concentrada no Jardim São Jorge, com 969 animais (7,9% do total). O segundo bairro em população animal é o Jardim Bela Vista, com 876 caninos e felinos (7,2%).

Com início em outubro de 2018 e término no mês passado, o levantamento foi feito durante o trabalho de visita casa a casa realizado pelos agentes de controle de zoonoses para prevenir e eliminar criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue.

“Outro dado muito interessante revelado pelo levantamento é que 33,4% dos animais existentes no município não são castrados. Essa informação é muito importante para que possamos planejar ações visando a ampliação de procedimentos no município”, explicou a coordenadora do Setor de Zoonoses, veterinária Paula Faciulli, responsável pelo censo.

Para o secretário de Saúde Vanderlei Cocato, o censo servirá de base para o planejamento de políticas para controle populacional e garantia da saúde dos animais da cidade. “O censo animal foi feito por determinação do prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza. Com esses números, podemos pensar em comprar microchips e identificar todos os animais do município, conforme prevê a legislação”, afirmou o secretário de Saúde.

CASTRAÇÃO. Na última quarta-feira (12), a Prefeitura de Nova Odessa iniciou a edição 2020 do Programa de Castração Animal. Até dezembro, serão castrados gratuitamente mil cães e gatos em uma clínica contratada pelo município. A ação exigirá investimento de R$ 82.510 e está sendo viabilizada com recursos repassados pelo Governo do Estado, por meio de emenda parlamentar do deputado estadual Delegado Bruno Lima (PSL). Em oito anos, o programa vai contabilizar 5.167 animais castrados no município.

A análise detalhada de cães e gatos nos municípios foi uma das propostas do prefeito, no âmbito da Região Metropolitana de Campinas. Em 2019, em um dos últimos projetos como presidente do Conselho de Desenvolvimento da RMC, Bill criou a Câmara Temática de Bem-Estar Animal. O grupo, de natureza técnica, tem a função de subsidiar decisões do colegiado que reúne prefeitos de 20 municípios e representantes do governo estadual.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE