CEI analisa documentos da licitação para reforma do HM

A Comissão Especial de Inquérito da Câmara Municipal de Americana constituída para apurar supostas irregularidades na aplicação das receitas da prefeitura de Americana realizou reunião de trabalho nesta terça-feira (8). Participaram o presidente da comissão, vereador Alfredo Ondas (PMDB), os vereadores membros Celso Zoppi (PT), Luciano Corrêa (SDD) e Tonhão do Veteranos (PMDB), o vereador Eduardo da Farmácia (SDD), assessores técnicos do Legislativo e representantes da Aescon (Associação das Empresas de Serviços Contábeis de Americana), que auxiliaram nos trabalhos. Durante a reunião, foram apresentados e analisados documentos referentes à licitação para contratação de empresa responsável pelas obras de reforma, ampliação e construção de nova ala do Hospital Municipal ???Dr. Waldemar Tebaldi???. Segundo o vereador Alfredo Ondas, presidente da comissão, há fortes indícios de irregularidades no processo licitatório. ???Numa análise preliminar, constatou-se já um fato muito grave, que é a ausência de muitas páginas, que foram destacadas do processo. Além disso, a empreiteira Teto Construtora apresentou uma apólice da seguradora Mapfre, documento este que segundo a própria seguradora, em ofício assinado por seu diretor jurídico, é materialmente e ideologicamente falso???, relatou Ondas. Durante a reunião, os parlamentares decidiram coletar depoimentos relacionados aos fatos apresentados, bem como prorrogar o prazo de conclusão dos trabalhos para analisar novos documentos que serão solicitados. A comissão se reúne novamente na sexta-feira (14) para discutir o relatório parcial que será apresentado no pedido de prorrogação.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE