Cauê vai atrás de respiradores pra região

O deputado e presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, Cauê Macris, solicitou nesta quinta-feira (30) ao Governo do Estado a destinação de, ao menos, 64 respiradores para os cinco municípios que compõem a RPT (Região do Polo Têxtil) ???Americana, Hortolândia, Nova Odessa, Santa Bárbara d’Oeste e Sumaré. O pedido foi feito após o governo anunciar a importação de 3.000 respiradores vindos da China, para tratamento dos infectados pelo novo coronavírus. O primeiro lote, de 500 equipamentos, está previsto para chegar neste final de semana a São Paulo.
“A destinação de respiradores para a região garante mais chances e segurança aos pacientes, e também mais condições de trabalho aos profissionais de saúde, para evitar ter que escolher entre quem vai viver e quem vai morrer por falta do equipamento”, disse Cauê Macris. Para a solicitação, o deputado usou como critério a quantidade de habitantes da região metropolitana de Campinas e de cada município nela inserida. Considerando que a RMC tem 3,2 milhões de habitantes, ou 7,1% da população estadual, seriam destinados ao menos 210 respiradores dos 3.000 adquiridos. REGI??OPelos cálculos, Americana poderia receber 15 novos respiradores dos 210 para a região metropolitana. Os equipamentos seriam acrescidos aos dez novos adquiridos pela prefeitura neste ano, após repasse de recursos do governo federal solicitados por Cauê e pelo seu pai, o deputado federal Vanderlei Macris.
Já Hortolândia, Nova Odessa, Santa Bárbara d’Oeste e Sumaré poderiam receber, juntas, 49 respiradores.
Alguns municípios da região não têm instalações hospitalares com UTI, onde o uso do respirador seria necessário. Portanto, a divisão poderá atender outros municípios, maiores, onde há hospitais de referência regional para tratamento da Covid-19.
Os respiradores são usados para pacientes em estado crítico, que não conseguem respirar em razão dos pulmões comprometidos com a infecção. Eles proporcionam oxigênio ao corpo. Sem isso, as vítimas podem morrer, inclusive por complicações, como falência de órgãos. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE