Casais têm evento este sábado

Sabemos que o comportamento humano é bastante complexo e, quando falamos de relacionamentos, há muitas vertentes para serem exploradas. Pensando nisso, o Instituto do Casal, organização que se dedica a pesquisas e educação em relacionamentos e sexualidade humana, realizou uma pesquisa para entender o comportamento das pessoas quando estão em um relacionamento que consideram sério, principalmente nos requisitos ligados à intimidade e segurança.
Confira os principais resultados da pesquisa:??? O que o casal considera mais importante quando falamos de intimidade? 59% afirmou que confiança é mais importante, seguido de companheirismo e “deixar ser você mesmo”, com 41% e 42%, respectivamente;??? Fatores como ter afinidade sexual e admiração entre o casal foram os menos votados. As manifestações de carinho físicos, como beijo, toque, dormir nu ou tomar banho juntos tiveram menos de 8%;??? ?? normal se sentir íntimo da sua parceira ou parceiro? 72% afirmou que sempre se sentem íntimos, enquanto somente 28% respondeu que somente em algumas ocasiões;??? Ao serem questionados se têm conhecimento sobre a diferença entre o pornográfico e o erótico. 84% disseram saber a diferença, enquanto 16% afirmaram não ter certeza;??? 67% dos respondentes contra 33% disseram que buscam mais segurança na relação do que vitalidade erótica;
Nesse contexto, 50% disseram que isso se dá em razão da construção familiar em que estão inseridos, e apenas 4% por medo de não ter ninguém com que possam contar na velhice. ???Muitos casais têm dificuldade em entender a diferença do pornográfico e do erótico, além de não saberem como inserir isso em sua vida conjugal. Por termos, muitas vezes, sido criados em ambientes com muitos tabus, é comum surgir algumas dúvidas quando falamos de intimidade. 
Por isso, é primordial que o casal converse e esteja aberto a falar, viver e construir a intimidade, que será diferente para cada pessoa e/ou casal, analisa Marina Simas, psicóloga e sócia-diretora do Instituto do Casal. Para Denise Figueiredo, psicóloga e sócia-diretora do Instituto do Casal, há grandes dificuldades de ir a fundo nesse tema por uma questão de diferenças, do que é intimidade, dos valores e interesses. A pesquisa demonstrou ainda que a segurança é um item muito buscado pelos casais na atualidade. ???Os casais buscam segurança e estabilidade e algumas vezes não conseguem expressar claramente o que desejam em suas relações. 
Há um certo receio de não preencher a expectativa do outro ou de não estar coerente com o que a sociedade define como ???correto???. A intimidade deve ser trabalhada no dia a dia do casal para que haja um conhecimento um do outro, com acolhimento e transparência. exemplifica Denise. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE