Carla quer isenção de imposto a motorista de van escolar

Preocupada com os prejuízos sofridos por profissionais que trabalham com o transporte de estudantes (vans escolares) durante a pandemia do novo coronavírus (Covis-19), a vereadora Carla Furini de Lucena (PL) encaminhou esta semana pela Câmara um requerimento no qual solicita informações da Prefeitura de Nova Odessa sobre a possibilidade da concessão de isenção de impostos e taxas locais.

A vereadora cita que, no geral, a pandemia do coronavírus afetou a todos os trabalhadores, sem distinção. No entanto, as atividades industriais não foram suspensas e as comerciais estão agora podendo ser restabelecidas aos poucos no Estado. “O mesmo não ocorreu com os profissionais ligados indiretamente à Educação, uma vez que as aulas presenciais continuam suspensas”, pondera.

Carla Lucena destaca que as escolas devem voltar a funcionar no Estado de São Paulo somente a partir do mês de agosto, e de modo gradual. “O Governo Estadual tem planejado o retorno para as escolas estaduais, municipais, particulares, universidades, Fatecs e até cursos de inglês”, acrescenta a vereadora, líder do bloco parlamentar formado pelos partidos PL e PV na Câmara Municipal.

“Nesse contexto, entre os profissionais mais afetados pela medida estão os motoristas de vans que realizam o transporte escolar, pois eles só poderão retomar suas atividades em agosto”, frisa Lucena. A vereadora lembra que o transporte escolar é realizado em grande parte por profissionais autônomos, que possuem apenas um veículo (van escolar) como meio de subsistência.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE