Careca exonera assessora ‘culpada’ por xerox de material de campanha

O vereador Careca do Esporte (PROS), investigado pelo Ministério Público por ter produzido material de campanha com recursos da Câmara Municipal de Santa Bárbara d’Oeste, exonerou uma de suas assessoras com a justificativa de que ela teria sido autora da produção sem sua autorização. A exonerada é esposa de um sindicalista da cidade.
SAIBA MAIS:Material é apreendido em gabinete de vereador na CM SB
O vereador pediu também, em requerimento protocolado nesta terça-feira, “relatório mensal do xerox referente as cópias tiradas de todos os vereadores, de janeiro a setembro de 2016; confecção de boleto para pagamento de três mil cópias tiradas por sua assessora nos dias 9, 12 e 13 de setembro; gravação do circuito interno de câmeras no dia 15 de setembro, entre as 15h às 18h e exoneração de assessora parlamentar.”
O Ministério Público havia pedido o afastamento do vereador que foi negado pelo juíz Thiago Chicarino. Como corre também investigação na justiça eleitoral, Chicarino indeferiu o afastamento do vereador por achar prudente esperar o desfecho eleitoral.  

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE