Opções de carboidratos que dão energia e fazem bem à saúde

Os carboidratos são fontes de energia para o corpo, porém, muitas pessoas os veem como vilões por não compreenderem a quantidade que deve ser ingerida diariamente ou a diferença entre carboidratos simples e complexos. Quem afirma isso é Fernanda Gularte (CRN- 5232), nutricionista credenciada da Paraná Clínicas – empresa do grupo SulAmérica –, que explica a importância do consumo de hidratos de carbono e também reforça que tubérculos, por exemplo, são opções saudáveis e geralmente de baixo índice glicêmico.

“É necessário que carboidratos estejam presentes no dia a dia e em várias refeições, pois a falta desses componentes pode causar dor de cabeça, cansaço, fadiga e mau humor, por exemplo. A questão principal é a qualidade do carboidrato ingerido. Os carboidratos simples e refinados costumam ter índice glicêmico altíssimo, colaborando para uma rápida absorção, gerando picos de glicose e de insulina no organismo. Isso faz com que a pessoa tenha comportamento ‘beliscador’, queira comer ou sinta fome o tempo todo, fazendo com que o consumo de carboidratos seja exagerado ultrapassando a quantidade calórica ideal ingerida no dia, o que pode levar ao ganho de peso”, explica a nutricionista.

“Os carboidratos complexos, por sua vez, normalmente possuem baixo índice glicêmico e são ricos em fibras e nutrientes, tornando a digestão mais lenta, bem como a absorção da glicose. Isso significa que provavelmente o corpo não acumule excesso de gordura. Os tubérculos são carboidratos considerados complexos e fazem muito bem à saúde por também conterem minerais como magnésio, cálcio e potássio, podendo serem consumidos de diferentes formas”, comenta Fernanda.

A profissional também ressalta que alimentos não processados ou sem conservantes são ainda melhores para uma dieta saudável.

 

Tubérculos com baixos índices glicêmicos

Segundo a nutricionista, o índice glicêmico varia de acordo com a presença de fibras nos alimentos, a estrutura física e química dos carboidratos dos alimentos e a presença de proteínas e gorduras no alimento ou na refeição. Quanto maior o índice glicêmico, mais facilmente o alimento é digerido e absorvido no intestino, aumentando a glicemia. Assim, os itens alimentícios foram divididos em três categorias: baixo IG 55 ou menos; médio IG 56-69; alto IG 70 ou mais.

A batata doce, por exemplo, é rica em potássio, vitamina A e vitamina C, e também complexo B. O IG do tubérculo é muito baixo, e o carboidrato complexo presente no alimento, somado à quantidade de fibras, torna a batata doce saudável e altamente recomendada para quem faz atividade física. Em 100g do produto cozido, são 76kcal encontradas, 18,42g de carboidrato, 2,7g de fibras e 50 de IG.

A mandioca cozida, por sua vez, contém cálcio, magnésio, fósforo, potássio e vitamina C. Também conhecida como aipim ou macaxeira, o alimento faz bem para o coração, é uma ótima fonte de energia, melhora a digestão e o humor, além de ser muito versátil, podendo seu usada em diversas refeições e com diferentes acompanhamentos. Em 100g do produto cozido, são 125kcal, 30,96g de carboidrato, 1,56g de fibras e 73 de IG.

A Vapza Alimentos possui em seu portifólio batata doce, mandioca e mandioquinhas já prontos, embalados a vácuo e cozidos a vapor. Com muito mais praticidade para refeições com carboidratos complexos. Além disso, há mais de 25 anos no mercado, a empresa possui tecnologia pioneira no Brasil que permite que os itens não possuam conservantes e nem outras substâncias químicas que possam comprometer a qualidade do alimento.

“A Vapza se compromete com um padrão de excelência voltado à alimentação saudável desde o contato com fornecedores ao processo de produção, chegando à distribuição para o varejo tradicional e para o food service. Isso nos coloca no mercado como uma empresa que se preocupa com uma alimentação melhor para todos, ainda mais por termos certificações que atestam a produção orgânica dos alimentos, com embalagens BPA Free e o Padrão Global da BRCGS (Brand Reputation through Compliance) para Segurança de Alimentos” comenta Enrico Milani, CEO da empresa.

 

Sobre a Paraná Clínicas

Fundada em 1970, a Paraná Clínicas é referência em planos de saúde empresariais e também atua na modalidade coletiva por adesão. Desde setembro de 2020, é operadora integrante da SulAmérica, o maior grupo segurador independente do Brasil. Carrega a missão de cuidar com excelência empresas e pessoas, oferecendo como diferencial os programas de saúde preventiva e promoção de qualidade de vida. Com uma infraestrutura moderna e planejada em uma rede interligada, a Paraná Clínicas conta com sete unidades próprias em Curitiba e Região Metropolitana, chamadas de Centros Integrados de Medicina: CIM Araucária; CIM CIC – 24h; CIM Fazenda Rio Grande; CIM Rio Branco do Sul; CIM São José dos Pinhais; CIM Unidade Infantil – 24h (ao lado do Hospital Santa Cruz) e CIM Água Verde – onde também operam o Hospital Dia, projetado para oferecer o que existe de mais moderno em procedimentos eletivos, e o Centro de Infusão, estruturado para atender com excelência os pacientes de oncologia, hematologia e reumatologia.

 

Sobre a Vapza

A Vapza Alimentos é pioneira e referência em alimentos cozidos a vapor e embalados a vácuo; proporcionando alimentação saudável, prática e segura. Fundada em 1994 com origem nos Campos Gerais do Paraná, possui tecnologia exclusiva de ponta no Brasil e oferece em seu portfólio: grãos, tubérculos, vegetais e carnes. Com distribuição nacional e com exportação para mais de 11 países, a empresa conta com certificações de qualidade e segurança alimentar nacionais e internacionais como a BRCGS, além de ter os selos Halal, Kosher, Vegan e Orgânico, atendendo todos os públicos que buscam comida de verdade. Para saber mais, acesse: www.vapza.com.br.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE