Cantata das crianças no encerramento do ano

A Emei Cunhatai fez sua festa de encerramento na noite desta quinta-feira com um teatro e uma cantata de Natal com a participação dos alunos. No repertório, Bate o Sino, Sapatinho, Natal das Crianças, Quero Ver e Banahá, uma canção tradicional africana. Na regência, Adilson Gombradi.

???Avaliamos o ano como muito bom porque tivemos atividades diversificadas com as crianças e a escola foi toda repaginada com reformas que envolveram a comunidade do Jardim Alvorada. Os pais daqui sempre foram presentes???, disse a coordenadora da Emei, Telma Cristina Moreira. Para ela o principal objetivo da escola é a formação da criança.
A Emei Cunhataí continua em reforma. Novas pinturas estão sendo feitas ao lado da sala de coordenação. Com apoio da comunidade do Jardim Alvorada e da Secretaria de Educação de Americana, a escola recebeu desenhos infantis em toda a escola, dando um colorido especial para o espaço.
As ações para as obras começaram no início do ano com festas comunitárias, promovidas pela unidade de ensino, com apoio da associação de moradores do bairro. Na escola estudam 150 crianças entre 4 e 5 anos de idade. A Emei recebeu R$ 12 mil de verba do MEC do Programa Dinheiro Direto na Escola, PDDE, e R$ 4,5 mil de festas comunitárias realizadas no primeiro e segundo semestres. ???O apoio da comunidade foi importante. Os pais, por exemplo, pintaram as salas de aula, no período das férias do meio do ano???. Com o montante das verbas foram comprados materiais e tintas.
Além disso o telhado foi reformado. Todos os vidros da escola foram trocados. O Parque Infantil recebeu novos brinquedos da Secretaria de Educação. No tanque de areia os pais construíram um cercadinho para evitar entrado de bichos. ???Minha escola está linda. As crianças estão adorando. Os pais estão vindo ver as reformas e ficam admirando a unidade como se fosse uma nova Emei???, afirmou a coordenadora.
Musicalização Infantil
Foi a partir do projeto ???Musicalização Infantil???, que o regente começou os ensaios com o Coral, na parte do canto, com os alunos da Cunhataí. ???Começamos os ensaios em outubro. Eles cantam com a mesma voz???, explica Gombradi. ???Eles aprendem muito rápido e o comportamento é ótimo. Será uma noite feliz. Os pais adoram ver os filhos no coral???, afirmou.
O projeto ???Musicalização Infantil???, da Secretaria de Educação de Americana, é oferecido a cinco Escolas Municipais de Educação Infantil e tem o objetivo de ampliar a linguagem dos alunos e colocá-los em contato direto com som e música.
Participam do projeto cerca de 400 crianças das Emeis Indáia (São Vito), Paturi (Vila Mariana), Carandá, (Mathiensen), Cunhatai (Alvorada) e Casa da Criança Tahira (Ipiranga). ???Musicalização Infantil??? é coordenado pelo músico e regente de Coral, Adilson Gombradi.
Segundo Gombradi o objetivo é fazer com que as crianças tenham contato com os diversos tipos de sons e músicas. Esta possibilidade permite às crianças ampliar sua linguagem visual, corporal, oral e melhora a sensibilidade do aluno. ???Não é ensino de teoria musical e nem formação de instrumentista. ?? colocar a criança em contato com a música???, disse o regente.
Para o regente a música é transformadora. Segundo ele, as crianças prestam 100% de atenção em suas aulas, que duram de 20 a 30 minutos, lembrando que se trata de alunos de 4 e 5 anos de idade. ???Eles têm uma capacidade de aprendizagem enorme. Na aula eles se comportam como se tivessem mais idade, a atenção é muito interessante???, finalizou.
 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE