Candidatos ‘do meio’ lançam carta contra Bolsonaro

Um grupo de seis lideranças políticas, de diferentes partidos, se reuniram na noite desta quarta-feira (31) e formularam um “manifesto pela consciência democrática”. O coletivo afirmou que “a democracia brasileira é ameaçada” três décadas depois da promulgação da Constituição de 1988, sem especificarem a origem desta ameaça.

Os seis signatários são: o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM), que propôs o movimento, o ex-ministro da Fazenda Ciro Gomes (PDT), o governador de São Paulo João Doria (PSDB), o governador do Rio Grande do Sul Eduardo Leite (PSDB), o empresário João Amoêdo (Novo) e o apresentador Luciano Huck, hoje sem partido.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE