Campinas. Prefs da Itália alertam Jonas. Mais as curtas

 Campinas. Prefs da Itália alertam Jonas. Mais as curtas

O prefeito Jonas Donizette (PSB) e o prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), participaram na manhã nesta quarta-feira (15) de uma reunião online com prefeitos da Itália para debater o enfrentamento ao novo coronavírus. Os prefeitos de Bari, Antônio Decaro, e o de Bergamo, Giorgio Gori, foram os prefeitos italianos que participaram do debate. Bergamo é uma das cidades mais impactadas pela pandemia.

A preocupação do prefeito de Campinas foi quanto à falta de adesão de parte da população às medidas de distanciamento social. Para os seus colegas italianos, os cidadãos só perceberam a real necessidade do isolamento quando perceberam o aumento do número de óbitos.
Os prefeitos italianos alertaram, também, quanto à disparidade entre os números oficiais, relativos àqueles que fizeram os exames, com os números efetivamente reais, que são bem maiores.
A Secretaria de Saúde de Campinas divulgou, nesta quarta-feira, 15 de abril, os novos números da pandemia de Covid-19 em Campinas. Segundo o boletim, agora são 138 casos confirmados (6 a mais que ontem; antes eram 132), 163 descartados (12 a mais, anteriormente eram 151) e 1.130 em investigação (17 a mais, anteriormente eram 1.113). Cinco pessoas morreram em razão da doença. CURTAS< Depois das constantes intervenções no Podemos Campinas, o vereador Nelson Hossri decidiu deixar o partido e se filiou no PSD. O diretório municipal do Podemos teve várias reviravoltas nas últimas semanas, com o comando da sigla trocando de mãos várias vezes.
< Desde dezembro, o partido em Campinas teve pelo menos quatro presidentes, sendo que em nenhuma das ocasiões houve comunicação com os demais filiados sobre as alterações.
< Inicialmente sob o comando do vereador Nelson Hossri, o Podemos passou para as mãos da ex-vereadora Leonice da Paz. Logo em seguida, assumiu o ex-presidente da EMTU, Joaquim Lopes. Que, por sua vez, ficaria menos de 50 dias no cargo, sendo trocado pelo empresário Juan Quirós, que agora é cotado como pré-candidato a prefeito. Se nada mudar novamente.
*jornalista e historiador, foi diretor de comunicação em Campinas e em outras 5 prefeituras nos estados de SP e MG.

Relacionados

Leave a Reply