Caetano quer saber da empresa que vai atuar na Covid

O vereador Marcos Caetano (PL) quer conhecer mais da empresa Sociedade Beneficente Caminho de Damasco (SBCD), contratada de forma emergencial para atuar no enfrentamento da pandemia de Covid-19 no Hospital Municipal (HM) “Dr. Waldemar Tebaldi”.
No documento, o parlamentar relata que foi procurado por usuários da rede municipal de saúde e também por profissionais da área questionando a forma como se dará a atuação da SBCD em substituição à empresa Hygea, também terceirizada, que era responsável pelo Pronto Atendimento Covid no HM.
“Apresentamos este requerimento em busca de informações após a divulgação de que a empresa Sociedade Beneficente Caminho de Damasco assumiu o contrato emergencial no dia 15 de abril, por apenas 30 dias, com valor do contrato de R$ 2,3 milhões”, destaca  Caetano. O vereador questiona a quantidade de médicos, enfermeiros, assistentes sociais, fisioterapeutas, farmacêuticos, biomédicos, técnicos e auxiliares que serão contratados pela SBCD. Pergunta ainda se o número é suficiente para a demanda da ala de Covid-19 do Hospital Municipal, se foi feita uma pesquisa com outras empresas para assumir o PA da Covid em regime emergencial e quais critérios levaram à escolha da contratada.
O requerimento será discutido e votado pelos vereadores em Plenário na próxima sessão ordinária, que acontece esta quinta (29).

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE