Cachorro aparece 2 anos e 3.000 kms depois

Um casal da Flórida, no sul dos Estados Unidos, foi surpreendido nesta semana com a notícia de que seu animal de estimação, um cachorro da raça mastim napolitano, foi encontrado no Wisconsin, no norte do país, a quase 3.000 quilômetros de distância, após ficar quase dois anos desaparecido.
O cão Endo, de mais de 50 quilos, foi identificado por uma ONG de proteção aos animais graças a um chip eletrônico instalado embaixo de sua pele. Os donos de Endo já o davam como morto havia muito tempo.

Os funcionários da organização Animal Allies Humane Society na cidade de Superior, no Wisconsin, se disseram surpresos ao descobrir o histórico do cachorro.
Os donos do animal, Denise e Tom Hartzog, da cidade de Cape Coral, na Flórida, tinham obtido o cachorro no final de 2010, após responder a um anúncio de uma família do Kentucky, no centro-leste do país, oferecendo um animal de graça.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE