Brasileiras levam ouro e prata no Mundial de Skate

Os dois lugares mais altos do pódio do Campeonato Mundial de Skate Street, realizado no em São Paulo, neste domingo (22), foram ocupados pela a paulista Pâmela Rosa, 20 anos, e pela maranhense Rayssa Leal, de apenas 11 anos. As brasileiras já lideravam o ranking olímpico e aumentaram suas chances de representar o Brasil na estreia do skate como modalide olímpica, nos Jogos de Tóquio 2020.

Durante a final, a cada manobra radical, as brasileiras arrancavam aplausos dos quase seis mil torcedores presentes no Pavilhão do Anhembi. Mais experiente, Pâmela conquistou o título do Mundial, e somou mais 80 mil pontos no ranking. A atleta dedicou a vitória ao tio, que sofreu um infarto e faleceu na noite de sábado (21), véspera da final.

???Foi uma noite difícil, dormi pouco. Dedico a vitória ao meu tio. Agora meu foco é nos próximos campeonatos no Brasil e nos Estados Unidos. Só digo que estou nas Olimpíadas quando já estiver no Japão???, disse Pâmela, evitando o clima de favoritismo.

A vice-campeã do Mundial, Rayssa, também ganhou mais 64 mil pontos, e segue em segundo lugar no ranking olímpico. Ela começou a ficar mais conhecida aos sete anos, quando passou a publicar vídeos nas redes sociais, com suas manobras em cima do skate.

???Vim para cá para me divertir. Pensei no primeiro lugar, mas ter subido ao pódio no Brasil já é uma vitória pra mim. ?? muito grande minha expectativa de ir à Olimpíada. Espero estar lá???, planeja Rayssa.

Com informações Agência Brasil

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE