Brasileiras ainda não ‘abraçaram’ suplementos vitamínicos

Ter uma alimentação saudável, e uma rotina de vida equilibrada é importante para manter a saúde e o bem-estar nos dias de hoje. Principalmente para as mulheres que apresentam um aspecto particular, o ciclo menstrual. Nele, os níveis hormonais, de ansiedade e de fluídos corporais oscilam e uma suplementação bem direcionada pode oferecer um grande benefício ao bem-estar e à saúde da mulher.

Porém, conforme apontou um estudo recente feito pela Famivita, 76% das brasileiras não consomem suplementos vitamínicos diariamente. Todavia, esse percentual vai diminuindo conforme a idade, e as mulheres dos 40 aos 49 anos consomem mais vitaminas do que as outras faixas etárias, cerca de 47% delas.

Os dados por estado demonstram que o Espírito Santo e o Distrito Federal estão entre os estados em que mais mulheres consomem suplementos vitamínicos, com 34% das participantes. Em São Paulo, o percentual é de 28% e no Rio de Janeiro é de 21%. E o estado com o menor percentual de consumo de vitaminas diariamente, é a Paraíba, com 11% das entrevistadas.

Outra situação desconfortável que a menstruação traz é o uso de absorventes, que precisam ser trocados com frequência, dependendo do fluxo da mulher. Porém, já existe uma solução muito melhor que o absorvente, que é coletor menstrual FamiCup. Uma opção para todas as mulheres que buscam maior liberdade e segurança durante o ciclo menstrual, pois é possível realizar qualquer atividade usando o produto sem o risco de vazamentos. E o melhor, ele pode ser trocado de 8 em 8 horas.

Portanto, a suplementação vitamínica e o uso de produtos como o coletor menstrual, traz um bem-estar muito maior durante o ciclo menstrual. Além disso, os suplementos vitamínicos, podem ajudar as futuras mamães a engravidarem ainda mais rápido. Tendo em vista que seu corpo já estará nutrido com a maioria das vitaminas necessárias para a concepção.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE