Brasil Kirin vence mais uma e avança em 3º no Paulista

Em mais uma atuação consistente, o Vôlei Brasil Kirin não deu chances para São Bernardo e venceu por 3 a 0 (25/13; 25/16; 25/22), no Ginásio do Taquaral, em Campinas, pela última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista. Mais de 1750 torcedores acompanharam o duelo. 
Com a vitória, o Vôlei Brasil Kirin encerra a primeira fase do Paulista em terceiro lugar, com 10 pontos.O adversário nas quartas-de-final será Santo André. No início desta semana, a Federação Paulista de Volleyball (FPV) deve confirmar as datas e horários dos confrontos. 
O Vôlei Brasil Kirin mostrou seriedade desde o início e construiu a vitória com naturalidade. Antes mesmo da primeira parada, após dois bloqueios de Maurício Souza, o time campineiro abriu três pontos de vantagem (6 a 3) e obrigou o adversário a pedir tempo. A paralisação não desconcentrou os donos da casa, que seguiram firmes. Após dois aces seguidos de Ygor Ceará, os visitantes voltaram a parar o jogo. Seguros na defesa e rodando contra-ataques com os ponteiros Ygor e Diogo (9 pontos combinados), os comandados de Horacio Dileo foram para a segunda parada com 11 pontos de vantagem (16 a 5) e fechou o primeiro set com tranquilidade: 25 a 13. 

Sem deixar o ritmo cair, o Vôlei Brasil Kirin encaixou uma boa sequência de saque com Rodriguinho logo no começo do segundo set. O levantador foi para o serviço nove vezes, o time campineiro foi pontuando em bloqueios de Vini e erros da recepção adversária e a vantagem chegou a oito pontos de diferença (9 a 1). Horacio Dileo colocou em quadra Jotinha e Bruno Temponi  e os donos da casa mantiveram o embalo. Com direito a bloqueio de Maurício na reta final, os campineiros fecharam o segundo set em ataque de Temponi: 25 a 16. 
No terceiro set, São Bernardo voltou com uma postura agressiva e equilibrou o jogo. Os times foram trocando pontos durante a parcial e protagonizaram grandes rallys. Na segunda parada, o time visitante conseguiu abrir dois pontos de vantagem (16 a 14) e manteve a frente até os momentos finais. Em passagem de Diogo pelo saque, a torcida cresceu junto e o Vôlei Brasil Kirin conseguiu a virada (23 a 22). Com a mão quente do camisa 7 no serviço, o time campineiro fechou o jogo em erro de recepção do adversário: 25 a 22. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE