Bolsonaro e a captura da raiva do brasileiro médio

Um documentário da revista de rock norte-americana Rolling Stone tentou analisar as eleições dos EUA e sua relação com a música. Lá pelas tantas, um dos editores da revista afirmou que Trump venceu a batalha porque conseguiu captar a raiva do americano médio.
Em boa medida isso acontece hoje no Brasil e o vingador do homem branco é o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL). Seja terraplana alienação parentar ou o direito às armas o nome que defende o branco oprimido é o mito.    

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE