Edit

Bolsonaristas hackeam iFood em várias cidades

O aplicativo IFood foi hackeado em diversas cidades do país e alguns estabelecimentos tiveram seus nomes alterados para: “Bolsonaro 2022”, “Vacina mata”, “Lula Ladrão”, e outros nomes de apoio a Bolsonaro e ofensas a outras figuras políticas.

O nome dos restaurantes foram trocados por propaganda antivacina, mensagens de apoio a Bolsonaro e até xingamentos a Marielle Franco. O movimento aconteceu após a marca parar de patrocinar o youtuber Monark, que defendia “liberdade de expressão” de falas racistas e homofóbicas.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE