Black Friday. Do computador também se compra

A Black Friday acontece na última sexta-feira de novembro após o Dia de Ação de Graças e abre a temporada de vendas das lojas para as festas de final de ano. Mas a data já se tornou referência para grandes promoções.
Em todo Brasil a edição 2019 da Black Friday deverá movimentar cerca de R$ 3,5 bilhões, cerca de R$ 400 milhões a mais do total registrado no ano passado. As vendas desta data, em especial, destacam-se pelos elevados descontos oferecidos pelas empresas participantes, que chegam a variar de 30% a 80%, o que obriga os consumidores a pesquisarem preços sempre.
RMC- Esperada por muitos consumidores, a semana de vendas da Black Friday deste ano deverá movimentar em média R$ 450 milhões apenas na Região Metropolitana de Campinas (RMC) segundo aponta projeção divulgada pela Associação Comercial e Industrial de Campinas (Acic). O valor representa alta de 30% em relação a edição 2018.

Ainda segundo a Acic a maior parte das vendas devem ocorrer mesmo pela forma digital. Os produtos mais buscados devem ser smartphones, TVs, eletroeletrônicos, vestuários, calçados, passagens aéreas, livros e brinquedos.
Dicas para compras durante a Black Friday
Estabeleça um limiteAntes de pensar em fazer qualquer compra, é necessário analisar o orçamento e ver qual a real condição financeira. Na Black Friday não é diferente. ?? importante avaliar as finanças e saber exatamente qual o limite que pode ser gasto gastar. Não adianta satisfazer todos os desejos de consumo momentâneos e fazer dívidas que não poderão ser pagas.
Compare preçosSites podem ser grandes aliados dos compradores e ajudar muito na tarefa de comparar preços. Um determinado produto pode ter um desconto maior em uma loja do que na outra.Quanto mais se souber sobre o histórico de preços de um produto, mais bem preparado estará na Black Friday. (por exemplo, se uma TV com preço de venda tiver um preço ainda menor no passado, as chances são boas de que isso aconteça novamente.)

Faça uma listaComece separando os produtos por níveis de prioridade.Trocar o computador ou notebook por um mais novo tem sido uma boa pedida nos últimos anos. Primeiro, aqueles realmente necessários, depois passe para os produtos desejados, mas que não são tão necessários e, por último, os presentes.
Defina produtos semelhantesComplete a lista criada anteriormente com alguns produtos semelhantes aos que deseja ou necessita comprar. Sendo assim, caso algum produto se esgote rapidamente ou não entre em promoção, já terá listado alguns similares que podem substituí-lo.
Antecipe as compras de NatalEsse é um bom momento para investir nos presentes e compras natalinas, quando geralmente as pessoas se presenteiam ou mesmo o ‘amor’ com um smartphone novo evitando as filas e as compras não ficam para a última hora, quando os preços costumam ficar maiores.
Confira se a loja é confiávelNessa época de promoção surgem muitas lojas de fachada, que parecem confiáveis, mas não são. Uma boa dica é checar no site Reclame Aqui, ou no site do Procon, eles listam as lojas e avaliam a reputação delas. O próprio Google também pode ser um aliado nessa busca, verifique se algum conhecido já comprou na loja que está querendo comprar.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE