Belo diz fazer parte da ‘nata da música popular’

Em entrevista  ao G1 nesta semana o cantor Belo comentou sobre a carreira, os discos, o novo visual e sua importância na música popular brasileira.
Belo ainda é um pagodeiro em carreira solo e parece estar ciente de sua importância para o gênero no Brasil, como mostra nas declarações abaixo. “Eu me sinto lisonjeado em fazer parte da nata da música popular. Eu tracei minha carreira para que a minha forma de interpretar seja uma só”, resume, ao ser perguntado sobre seu timbre característico.
Entre os três anos que separam os discos “Pra ser amor” e o recém-lançado “Tudo novo”, Belo diz que emagreceu 17 quilos, parou de fumar, retomou parcerias e mudou o penteado. O cantor conta que durante 15 anos foi “aquele loirinho do pagode” e que o dread foi ótimo para ele. Os caras vão ao show por causa do meu cabelo e acham maneiríssimo”, comemora.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE