BBB corta mãe que falava de racismo

No palco do “BBB15”, a mãe de Angélica orava para que a filha fosse eliminada. “Por que a senhora está agradecendo tanto?”, pergunta Bial. “Porque o que minha filha estava passando aqui e a gente passando lá fora. Estava pedindo a Deus, aos meus orixás, ao meu pai Ogum, minha mãe Oxum. Porque a gente estava sofrendo demais aqui fora com o racismo”, disse ela, sendo cortada pelo apresentador. Segundo a irmã da ex-sister, os filhos da auxiliar de enfermagem deixaram de ir à escola por causa do preconceito.

Bial pergunta a Angélica se faltou diplomacia por parte dela dentro da casa. “Essa sou eu, não sei ser outra pessoa. Se eu fosse outra pessoa, não teria entrado aqui. Vim para ser eu, mesmo sabendo que eu poderia não levar esse prêmio para casa”, afirmou ela.
O apresentador fica curioso e pergunta à eliminada o que Fernando tem para que todas as mulheres se apaixonem por ele. “Minha paixão pelo Fernando veio pela pessoa essa que ele se apresentou para mim. Mas depois ele mudou completamente. Mostrou que o caráter dele vale um milhão e meio, que depois ele poderia se moldar. Eu não”, alfinetou Angélica.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE