Barreira Sanitária também tem início em Nova Odessa

A Prefeitura de Nova Odessa e a Polícia Militar realizaram na manhã da sexta-feira (26/03) uma “barreira sanitária” de orientação e fiscalização para combater o avanço do novo coronavírus no município e na região. Realizada na Avenida Carlos Botelho, próximo à Delegacia de Polícia, três agentes da GCM (Guarda Civil Municipal) e seis policiais militares da Companhia local da PM abordaram, durante as duas horas da ação regional, cerca de 50 veículos e motocicletas.

Já os três profissionais da Vigilância Sanitária envolvidos na ação conjunta realizaram um trabalho de conscientização junto aos motoristas, principalmente aqueles que dirigiam veículos com placas de outras cidades, apelando para que eles só saiam de casa para trabalhar ou em situações emergenciais e sigam os protocolos de distanciamento social e uso de máscaras, evitando festas e aglomerações. Um panfleto foi entregue pela Visa. Ninguém foi impedido de circular.

“O objetivo foi orientar motoristas de outras cidades sobre a gravidade da pandemia e pedir para que eles retornassem às suas cidades de origem. Essa ação foi pensada pelo prefeito Leitinho (Cláudio José Schooder) e demais prefeitos da RMC (Região Metropolitana de Campinas) justamente por conta do ‘megaferiado’ iniciado na cidade de São Paulo e que vai até o dia 04 de abril”, explicou a coordenadora da Vigilância Sanitária, Méria Brito de Jesus.

Preocupados com a situação da pandemia, os próprios motoristas elogiaram a iniciativa das prefeituras da RMC. “É uma iniciativa válida e necessária. A pandemia está complicada, a gente vê na imprensa e escuta depoimentos sobre as perdas de familiares, de amigos. Temos pessoas próximas que estão internadas. A situação né está boa, sair de casa mesmo só em caso de extrema necessidade”, afirmou o comerciante Geiser Stefannini, de Americana, que transportava mercadorias para sua loja.

ESTRATÉGICOS

A ação foi iniciada na sexta-feira em Nova Odessa e nas demais 19 cidades que compõe a RMC, e podem voltar a se repetir a qualquer momento, em qualquer cidade, em vias de grande circulação.

“Por meio do Conselho de Desenvolvimento da RMC, junto com os prefeitos das 20 cidades, decidimos implantar as barreiras como uma forma de combater o novo coronavírus. Organizamos as barreiras sanitárias para que pudéssemos realizar um trabalho de orientação. Não é hora de viajar, estamos no pior momento da pandemia e o que temos que fazer é o isolamento, como forma de frear o ritmo de contágio. É apenas uma ação de orientação, mas muito importante neste momento. Pessoal, se possível, sempre que possível, fiquem em casa, usem álcool gel e usem máscaras”, comentou o prefeito Leitinho.

O trabalho desenvolvido em Nova Odessa contou com apoio da Guarda Civil Municipal e da Polícia Militar. Cones foram colocados em um trecho da avenida Carlos Botelho, interditando uma faixa de rolamento. Policiais Militares realizaram a abordagem dos veículos e motocicletas, conferindo a documentação.

“Montamos a barreira em um local estratégico, absorvendo o volume de carros que entram no município pela Rodovia Anhanguera. A proposta de orientar e conscientizar as pessoas sobre os riscos da Covid-19 e propor o isolamento em busca de reduzir o ritmo de contágio”, finalizou a coordenadora da Vigilância Sanitária.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE