Banco do Povo de Nova Odessa dobra volume de empréstimos

O volume de empréstimos concedidos pela agência novaodessense do Banco do Povo Paulista aumentou 122,2% entre março e agosto, na comparação com igual período do ano passado. O balanço foi divulgado nesta sexta-feira (4) pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Gestão Social do município. De acordo com avaliação da pasta, o fundo de investimento tem sido fundamental para a manutenção e ampliação de pequenos negócios na cidade, em meio à crise financeira causada pela pandemia do novo coronavírus.

O relatório apresentado pela secretaria aponta que mais de 300 pessoas procuraram o Banco do Povo local no período. Foram aprovados e liberados 35 créditos, num total de R$ 395.599,46. O montante é mais que o dobro do registrado de março a agosto de 2019, quando foram concedidos R$ 178.039,25 em empréstimos. “Além dos créditos concedidos, atendemos muitas pessoas que buscavam informações em relação aos critérios para acesso às linhas disponíveis”, explicou a agente de crédito Aracy Rodrigues da Silva.

Os recursos liberados pelo programa de microcrédito auxiliaram pequenos comerciantes e prestadores de serviços a honrar folhas de pagamento, pagar fornecedores, aluguel e despesas correntes como água, luz e telefone. “Uma coisa que chamou a nossa atenção é que boa parte dos créditos está sendo usada em negócios que cresceram na pandemia, como costura, confeitarias, restaurantes e similares, que reforçaram os serviços de delivery”, destacou a agente de crédito Márcia Andréia Faria Stephan. Lojas de vestuário, salões de beleza e estética e motoristas autônomos também foram contemplados.

Para a secretária de Desenvolvimento Econômico e Gestão Social, Regina Pocay, o Banco do Povo foi a alternativa funcional encontrada pelos pequenos empreendedores do município que não conseguiram linhas de crédito nas instituições financeiras tradicionais. “Graças ao programa, eles conseguiram salvar seus negócios e honrar compromissos assumidos antes da pandemia, evitando inadimplência junto a fornecedores e contribuindo para a manutenção do funcionamento da cadeia produtiva”, avaliou Regina.

Com a diminuição do número de mortes e a reabertura do comércio, a expectativa é de mais dinheiro circulando no mercado. “Após seis meses de pandemia, o Banco do Povo consegue vislumbrar que setembro será um mês de novas aprovações de crédito, pois a procura continua muito grande e o programa está à disposição para ajudar empreendedores e contribuir para que a economia do município volte a crescer”, disse a secretária.

O QUE É O BANCO DO POVO? É um programa de microcrédito produtivo mantido pelo Governo do Estado por meio de convênio com as prefeituras. Em Nova Odessa, a parceria existe desde 2005. O órgão trabalha com linhas para autônomos informais e formais. Para empreendedores sem inscrição no CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas), são oferecidos financiamentos de R$ 3 mil a R$ 5 mil, com pagamento em até 24 vezes. Já microempreendedores individuais (MEIs) e empresários enquadrados em outros formatos jurídicos, como ME e LTDA, estão disponíveis linhas de R$ 7,5 mil a R$ 20 mil, que podem ser quitadas em até 36 parcelas. Em ambos os casos, a taxa de juros é de 0,35% ao mês.

 

CRITÉRIOS. Para se enquadrar no programa, o empreendedor precisa comprovar que trabalha por conta e não pode ter restrições financeiras e judiciais. Depois da aprovação do empréstimo, a aplicação do dinheiro é acompanhada por agentes de crédito, que exigem as notas fiscais que comprovem os investimentos descritos no pedido de financiamento.

 

ONDE FICA? O Banco do Povo Paulista funciona na Rua Duque de Caxias, 442, no Centro, no prédio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, das 7h às 16h. O telefone do órgão é 3466-3010. Para evitar aglomerações, o órgão recomenda aos interessados que obtenham as informações necessárias por telefone e só se dirijam à agência para efetivar o pedido de crédito. O uso de máscara é obrigatório.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE