Ativistas invadem aula de medicina na PUC que usava porcos

Ativistas que integram a Frente de Libertação Animal invadiram uma aula prática no curso da Faculdade de Medicina da PUC Campinas nesta quarta-feira, 23, e registraram procedimentos que estavam sendo realizados em cinco porcos para fazer a técnica de traqueostomia. O grupo fugiu após gravarem as imagens.

O presidente do Conselho de Defesa dos Animais de Campinas, Flávio Lamas, afirmou que apoia a ação. “O ato foi para mostrar a crueldade com o animal. Existem outros modelos, como simuladores e filmagens que podem ser utilizados de forma didática. ?? uma mudança que precisa ser feita???, afirma. Lamas foi informado sobre o ato e contou que oito ativistas participaram.

A PUC confirmou que entrada dos manifestantes na faculdade ocorreu sem autorização. Um dos ativistas foi identificado como ex-funcionários da universidade. A instituição vai analisar as imagens das câmeras de segurança para identificar os demais envolvidos. A instituição afirmou, ainda, que segue as determinações do Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal e que adota métodos alternativos no ensino.

O professor que ministrava a aula registrou o caso no 11° Distrito Policial e, segundo a Secretaria Estadual de Segurança Pública de São Paulo, os invasores vão responder por ameaça.

Com informações de G1

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE