Após várias paralisações, Roberg vence GP de Mônaco

Depois de conquistar três vezes a pole position nesta temporada, o piloto alemão Nico Rosberg, da Mercedes, conseguiu ganhar uma corrida. Foi ele o vencedor do GP de Mônaco de F-1, neste domingo.
Rosberg ficou na frente dos pilotos da Red Bull, o alemão Sebastian Vettel, segundo colocado, e o australiano Mark Webber, o terceiro.
O espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, acabou na sétima posição.
A corrida foi interrompida na 46ª volta, com a batida do venezuelano Pastor Maldonado, da Williams, após choque com o inglês Max Chilton,da Marussia. A pausa foi feita para que a equipe de apoio pudesse arrumar novamente a pista.
Com a parada, os pilotos saíram do carro à espera do fim dos trabalhos.
Dezesseis voltas antes deste acidente, Felipe Massa bateu o carro em uma cena muito semelhante à imagem vista no sábado: o brasileiro bateu na barreira de proteção, cruzou a pista e chocou-se com força contra o guard-rail.
O piloto da Ferrari saiu do carro e recebeu o atendimento da equipe médica.
Imagens mostraram Massa sentado, com um colar cervical, próximo do carro danificado. Depois, foi levado ao hospital e, segundo a TV Globo, passa bem.
O acidente de Massa foi na 30ª volta da corrida.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE