Após ‘textão’, Meche não aparece na sessão

Após publicar um texto em suas redes sociais explicando seu ‘sumiço’ e afirmando ‘estar de volta’, o vereador Marschelo Meche (PSDB) não apareceu na sessão desta quinta-feira. A vereadora Fran da Padaria (PSDB) ocupa a cadeira nesta semana. 
Meche falou, na terça-feira, sobre depressão e como vem se sentindo. O vereador afirmou que “estar nessa situação é ser alvo da incompreensão, da chacota, do desprezo de muitos”. 
Veja a nota na íntegra: MINHA DECLARA????O PESSOAL
Sim, minha luta pessoal já era de conhecimento de muitas pessoas; porém muitos evitavam tocar nesse assunto de forma mais pública. Há muitos anos conheci o lado mais obscuro da depressão, infelizmente, a busca de saídas que levaram a dores maiores. Não sei se consigo dizer que fracassei, porque minha escolha foi enfrentar algo que só as pessoas mais próximas sabem o quanto me machuca, o quanto me corrói. Mas meus familiares e amigos sabem o quanto busco forças pra seguir adiante, buscando meus sonhos.
Estar nessa situação é ser alvo da incompreensão, da chacota, do desprezo de muitos. E não deixou de ser também, de ameaças. Eu sabia que tudo isso viria quando decidi entrar na vida pública, é claro que estar preparado nunca estamos. Minha vida pessoal realmente é muito pautada por tratamentos, por remédios, por outra luta contra o peso. Eu não desejo nada disso pra ninguém. Foi muito difícil aceitar a condição de que é uma doença, e que preciso ter paciência e muita força. Infelizmente, muitas pessoas enxergam nisso tudo maldade, mas não é! Milhões de pessoas enfrentam esses monstros todos os dias, mais do que a gente pode imaginar!
Não é fácil, mas eu escolhi N??O DESISTIR. Quando penso na minha situação, o que mais me conforta é saber NUNCA DESISTI. Busco aproximar-me de pessoas que me apoiam e lutam por mim também. Minha família e meus amigos. Eu me inspiro nas pessoas que persistiram, apesar de todas as dificuldades.
O tratamento impediu-me de estar nas sessões legislativas nas últimas semanas, porém o gabinete manteve-se aberto todos os dias à disposição da população, e neste momento retornarei à bancada durante as sessões. Quero poder contribuir para apoiar pessoas em situações similares debatendo políticas públicas preventivas e de tratamento.Eu preciso sim pedir desculpas a todos possam ter ficado tristes, magoados ou decepcionados. MAS EU N??O VOU DESISTIR! JAMAIS! Talvez isso tudo o que veio agora, de algum modo, SEJA UM ALÍVIO. Eu vivia o medo do dia seguinte. Eu só quero que quem estiver lendo isso, saiba: haverá muitas risadas contra mim agora, mas eu não vou me intimidar! Não estou preocupado que queiram usar tudo isso contra mim, estou feliz aonde cheguei agora. Eu vou mostrar a todos que ?? POSSÍVEL SUPERAR, ?? POSSÍVEL SER FELIZ, TRABALHAR E TER UMA FAMÍLIA, com muito apoio de Deus e das pessoas próximas. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE