Após parada cardíaca, morre bebê Sofia

A bebê Sofia Gonçalves de Lacerda, de um ano e oito meses, morreu na madrugada desta segunda-feira (14) em Miami, nos Estados Unidos. A informação foi confirmada pelo advogado da família, Miguel Navarro. A menina, que passou pelo transplante de cinco órgãos, teve uma parada cardíaca. Ela estava internada desde julho, por conta de um vírus contraído após o transplante multivisceral realizado em maio.
No fim de semana o quadro da menina piorou bastante e a mãe postou em uma rede social que apenas um milagre salvaria sua vida. Patrícia de Lacerda pediu neste domingo (13) em uma rede social para seus seguidores “intensificarem as orações” pela melhora da pequena.

De acordo com post da mãe, os médicos que atendiam a menina perguntaram se a família queria que os aparelhos utilizados para manter a bebê viva fossem desligados, mas a resposta foi negativa.Os médicos também explicaram que o quadro grave se dava por conta de uma infecção do pulmão, pois os órgãos transplantados – estômago, fígado, pâncreas, intestino delgado e intestino grosso – continuavam em bom estado. Internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Jackson Memorial Hospital, nos Estados Unidos (EUA), Sofia, portadora de uma doença rara, foi acometida por um vírus resistente, o Citomegalovirus, quando se recuperava de um transplante multivisceral – quase todo o aparelho digestivo foi trocado.
De acordo com o advogado da família, ainda não existe uma definição se o corpo de Sofia será velado no Brasil. “Não temos essa informação até por conta do vírus contraído após o transplante. Estamos vendo se existe a possibilidade de trazer para Votorantim ou se será cremada nos Estados Unidos”, explica. Segundo Navarro, caso Sofia seja trazida para o Brasil, a liberação do corpo só deve ocorrer em até cinco dias. G1

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE