Andia vai pra galera do Minha Casa Minha Vida

O prefeito de Santa Bárbara d???Oeste, Denis Andia, participou nesta segunda-feira (16) de reunião da Caixa Econômica Federal com os primeiros 460 nomes selecionados para as moradias do Bosque das Árvores. O encontro realizado no Teatro Municipal ???Manoel Lyra??? teve como objetivo orientar sobre os próximos passos dos trâmites necessários e sobre a convivência em condomínios. Estes foram os primeiros nomes divulgados pela Caixa dos habilitados às moradias populares do Bosque das Árvores, em conformidade com as diretrizes do programa ???Minha Casa Minha Vida???, do Governo Federal. Os 460 primeiros nomes já estão aptos à assinatura de contrato e posterior entrega de chaves em data ainda a ser definida. Durante o evento, Denis falou ao público destacando a batalha do Município para a execução de um programa habitacional após mais de 20 anos e também dos primeiros habilitados ao Bosque das Árvores. ???Queria que vocês soubessem que hoje é o dia mais importante para vocês, tirando o dia da entrega das chaves, que ocorrerá em breve. Essa caminhada fizemos juntos. Não foi apenas o prefeito que fez. Vocês sonharam e assim tivemos todo o impulso necessário???, afirmou. ???Em 2009, o ???Minha Casa Minha Vida??? foi lançado no Brasil e em Santa Bárbara d???Oeste ele não aconteceu. Nós pegamos a última parte do recurso do Governo Federal e ainda precisamos pegar parte da Casa Paulista, do Governo Estadual. As documentações já foram entregues e está tudo certo para vocês. A fase mais difícil vocês já passaram???, acrescentou. O prefeito ainda relembrou a rapidez com que as obras das 1.320 moradias populares do Bosque das Árvores foram realizadas, o que possibilitou a divulgação dos primeiros nomes de forma antecipada pela Caixa Econômica Federal. ???A obra estava prevista para outubro desse ano, mas estamos com boa parte pronta e, assim, foi antecipada a primeira lista dos selecionados e consequentemente antecipada a entrega. Foi Deus que alinhou para dar certo???, comentou. ???Espero encontrar vocês no dia da entrega das chaves. Não penso apenas nas paredes das casas, mas sim no cheirinho de café dentro da casa de cada um ao amanhecer. Este é só o começo da caminhada de todos vocês???, finalizou Denis. A ordem de avaliação das documentações encaminhadas ocorreu de acordo com a data da entrega dos respectivos documentos pelos sorteados. Ao longo dos últimos meses, a Caixa Econômica Federal tem analisado a documentação daqueles que foram contemplados. A ordem dessa análise segue a mesma das datas das entregas das documentações completas encaminhadas pelos sorteados. Sendo assim, a chamada não segue a ordem do sorteio, e sim a das primeiras documentações entregues de maneira completa e já avaliadas. As documentações dos demais contemplados continuam sendo analisadas e a Caixa Econômica Federal divulgará novas listas de acordo com o andamento de suas análises das documentações. Para mais informações ou esclarecimento de dúvidas, estão à disposição os telefones (19) 3454-7945 e (19) 3454-2949. O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, das 8 às 16h30, na Sala 10 do Centro Social Urbano. Bosque das Árvores O Residencial Bosque das Árvores é um empreendimento de interesse social financiado pelos programas Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal, e Casa Paulista, do Governo do Estado de São Paulo, sendo destinado às famílias com renda mensal de até R$ 1.600,00. Os condomínios estão na reta final de construção por parte da Emccamp Residencial S.A., em uma área de 177.695,91 m² em investimento na ordem de R$ 126,7 milhões. Cada uma das 1.320 unidades possui 47,83 m² com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. São seis condomínios equipados e cada um conta com área de lazer, quadra poliesportiva, salão de festa e estacionamento privativo. Até então, o último empreendimento para famílias de baixa renda no município era o Conjunto Habitacional Roberto Romano, conveniado com a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) em 1990 e entregue em 1996. Todas as unidades são adaptáveis para o uso de pessoas com necessidades especiais, sendo que 40 delas já serão entregues com os equipamentos de acessibilidade instalados. O conjunto inclui ainda a construção de uma escola para atender 330 crianças da Rede Municipal e um Centro de Referência de Assistência Social ??? CRAS, ambos com possibilidade de ampliação conforme a demanda.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE