“Amigo” de Americana, Orlando Silva diz que “PT é passado”

Presença constante nos eventos políticos de Americana por vários anos, durante os mandatos do ex-prefeito Diego De Nadai, o deputado federal e ex-ministro do Esporte Orlando Silva (PCdoB) agora afirma que o ex-presidente Lula é “parte do passado”. O comunista, ex-ministro dos Esportes, era convidado de honra em Americana, sempre acompanhado do então deputado estadual Chico Sardelli e de outras lideranças esportivas e enxadristas. Após estourar o escândalo do projeto Terceiro Tempo, Orlando Silva discretamente se afastou da cidade.

Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, as declarações do pré-candidato do PC do B à Prefeitura de São Paulo, simbolizam a ruptura na tradição do partido de se coligar com o PT nas eleições da capital. “O Lula foi um extraordinário presidente, mas nós temos que olhar para a frente”, afirmou à Folha o deputado federal. “A esquerda precisa ser mais humilde”, ecoando uma crítica ao PT feita pelo rapper Mano Brown em 2018.(…)

Silva afirmou ainda como pretende se diferenciar de PT e PSOL: “PT é parte do passado. E o PSOL é uma espécie de PT retrô, dos anos 1980. Vou, com a minha experiência de vida e pessoal, valorizar a minha condição de negro e debater a representatividade na política. Não serão os brancos que vão romper com o racismo estrutural. Uma liderança política negra enfrentar o racismo estrutural é diferente de uma que ouve dizer o que é o racismo.”, ressaltou.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE