Americana perde 200 supermercados em 10 anos

Americana perdeu 195 supermercados no prazo de 10 anos, segundo estudo do Sindicato dos Lojistas e do Comércio Varejista de Americana, Nova Odessa e Santa Bárbara d???Oeste, em parceria com a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP).
A concentração em poucas redes e supermercados maiores ‘mataram’ os pequenos no período. O número de estabelecimentos comerciais caiu 7,7% de 2007 a 2016. Os dados foram levantados a partir da Relação Anual de Informações Sociais (Rais), órgão do Ministério do Trabalho.
No período, 349 empresas do setor foram extintas no município, reflexo da crise econômica, segundo o assessor econômico da FecomercioSP, Jaime Vasconcellos. ???Até 2013 o Brasil apresentou um bom crescimento. A partir de 2014 começamos a ter o início da crise, que refletiu no fechamento das pequenas empresas e na maior concentração dos estabelecimentos???.
Das atividades consolidadas, as maiores retrações foram registradas nos supermercados (-21,6%) e nas lojas de eletrodomésticos e eletrônicos (-11,8%). Na contramão desse movimento apareceu a abertura de farmácias e perfumarias, com crescimento de 20,9%. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE