Americana e Santa Bárbara iniciam vacinação para pessoas com comorbidades 45+

AMERICANA

A Secretaria de Saúde de Americana começa, nesta sexta-feira (21), a vacinação contra a Covid-19 em pessoas portadoras de comorbidade com idade entre 45 e 59 anos. A vacina será disponibilizada por meio de agendamento, que já se encontra aberto no site www.saudeamericana.com.br da Secretaria.

Os moradores dessa faixa etária que possuem algum tipo de comorbidade elencada para o grupo (ver lista abaixo), deverão apresentar relatório médico e receitas sobre o uso contínuo de medicamentos que comprovem tal condição.

Além dos portadores de comorbidade, a Secretaria continua com a vacinação, por meio de agendamento, aos seguintes grupos:

Primeira dose: Idosos com 60 anos ou mais, portadores de deficiência permanente com 45 anos ou mais, e portadores de Síndrome de Down e indivíduos transplantados com 18 anos ou mais.

Segunda dose: Idosos com 64 anos, idosos com 68 anos ou mais, idosos com 80 anos ou mais, profissionais de saúde e profissionais da Educação.

Relação das comorbidades contempladas nesta etapa:

Diabetes Mellitus

Pneumopatias crônicas graves

Hipertensão arterial resistente (HAR)

Hipertensão arterial estágio 3

Hipertensão arterial estágio 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade

Insuficiência cardíaca (ICC)

Cor-pulmonale e Hipertensão pulmonar

Cardiopatia hipertensiva

Síndromes coronarianas

Valvopatias

Miocardiopatias e Pericardiopatias

Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas

Arritmias cardíacas

Cardiopatias congênitas no adulto

Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados

Doença cerebrovascular

Doença renal crônica

Imunossuprimidos

Hemoglobinopatias graves

Obesidade mórbida

Cirrose hepática

SANTA BÁRBARA

A Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste iniciará nesta sexta-feira (21) a vacinação contra a Covid-19 em pessoas com comorbidades (entre 45 a 49 anos) e pessoas com Deficiência Permanente – BPC (entre 45 a 49 anos).

A imunização acontecerá de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas, nos ginásios municipais “Djaniro Pedroso”, no Centro, e “Mirzinho Daniel”, no São Francisco, e na Casa de Maria, no Jardim das Laranjeiras.

Além de apresentar CPF e comprovante de endereço, as pessoas com comorbidades devem comprovar o tipo de comorbidade apresentado (lista abaixo), por meio de cópias de carta ou atestado médico, além de exames e receitas, caso necessário.

Já as Pessoas com Deficiência Permanente – BPC devem apresentar comprovante do recebimento do Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social.

As comorbidades definidas pelo Ministério da Saúde para prioridade na vacinação são: doenças cardiovasculares, incluindo insuficiência cardíaca, hipertensão pulmonar, cardiopatia hipertensiva, síndrome coronariana, valvopatia, miocardiopatia e pericardiopatia, doença da aorta, doença dos grandes vasos e fístulas asteriovenosas, arritmia cardíaca, cardiopatias congênitas, próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados; diabetes, pneumopatias crônicas graves, hipertensão arterial resistente, hipertensão arterial estágio 3, hipertensão estágios 1 e 2 com lesão e órgão alvo, doença cerebrovascular, doença renal crônica, imunossuprimidos, anemia falciforme, obesidade mórbida, cirrose hepática e HIV.

Orientações para hipertensos:

Neste grupo, neste momento, serão vacinados somente os pacientes hipertensos classificados como:

• Hipertensão sistêmica resistente (apresentar cópia da receita ou carta médica)

• Hipertensão arterial estágio 3 (apresentar cópia da receita ou carta médica)

• Hipertensão arterial estágios 1 e 2 (apresentar cópia da carta médica com algum tipo de lesão em órgão causada pela pressão alta – AVC, lesão renal, infarto, insuficiência cardíaca, entre outras)

• Hipertensos que apresentem receita médica que comprove a utilização de três ou mais medicamentos anti-hipertensivos

Paralelo a isso, a vacinação da 1ª dose segue também para públicos já inseridos na Campanha. Confira as orientações:

Grávidas e puérperas com comorbidades (18 anos ou mais)

As grávidas devem comprovar estado gestacional e, no caso das puérperas, apresentar declaração do nascimento da criança. Além disso, precisam comprovar o tipo da comorbidade (lista abaixo) por meio de cópia de carta ou atestado médico, além de exames e receitas, caso necessário.

Pessoas com comorbidades (45 anos ou mais)

Além de apresentar CPF e comprovante de endereço, as pessoas com comorbidades devem comprovar o tipo de comorbidade apresentado (lista abaixo), por meio de cópias de carta ou atestado médico, além de exames e receitas, caso necessário.

Pessoas com Deficiência Permanente – BPC (50 anos ou mais)

Além de apresentar CPF e comprovante de endereço, devem apresentar comprovante do recebimento do Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social.

Idosos (60 anos ou mais)

Para receber a 1ª dose da vacina o idoso deve ter em mãos o CPF e comprovante de endereço em seu nome.

Pacientes em tratamento de hemodiálise (entre 18 e 59 anos) e transplantados que utilizam imunossupressores (entre 18 e 59 anos)

A ação prossegue nas clínicas onde já realizam tratamento.

Pessoas com Síndrome de Down (entre 18 e 59 anos)

Para pessoas com Síndrome de Down (entre 18 e 59 anos) e que sejam alunos da APAE, a vacina segue sendo aplicada na própria entidade. Caso se enquadre no grupo e não seja aluno da APAE a pessoa deve procurar pelos pontos de vacinação listados anteriormente para o recebimento da 1ª dose.

Profissionais da Educação (47 anos ou mais)

Já profissionais da Educação de Santa Bárbara d’Oeste com mais de 47 anos, com o QR Code gerado após cadastro no site: www.vacinaja.sp.gov.br/educacao, o RG e o CPF em mãos, também podem procurar pelos novos locais para receber a 1ª dose.

Profissionais da Saúde

Segue convocação de profissionais de Saúde em UBSs (Unidades Básicas de Saúde).

Vale ressaltar que a convocação para 2ª dose prossegue com agendamento normalmente nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde). O Plano de Vacinação no Município é desenvolvido com cronograma de prioridades, seguindo diretrizes do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado da Saúde e mediante envio e disponibilidade de doses.

Pontos de vacinação:

• Ginásio de Esportes “Djaniro Pedroso”
Rua Prudente de Moraes, 250, Centro
De segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas

• Ginásio de Esportes “Mirzinho Daniel”
Rua Bororós, s/nº, Jardim São Francisco
De segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas

• Casa de Maria
Rua Mococa, 510, Jardim das Laranjeiras
De segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas

Em caso de dúvidas sobre a vacinação contra a Covid-19 no Município, a pessoa pode entrar em contato, de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas, pelo telefone 3455.1654.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE