AM: ver.s comentam possível governo Temer

O NM entrevistou alguns vereadores na Câmara Municipal de Americana para que falassem sobre o cenário político nacional atual e como enxergam um possível governo de Michel Temer (PMDB).
Davi Ramos (PCdoB) afirma que a proposta do grupo que está junto com Temer e do próprio Temer é um genocídio social. “Esses trabalhadores que foram as ruas bater panelas vão chorar lagrimas de sangue. Aécio e Temer disseram que o maior erro (do governo) foi esse período todo só pensando no trabalhador”, concluiu.
Teo Feola (PV) acredita na legitimidade do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) e vê esperança em Temer. “A crise brasileira hoje é muito mais política do que econômica, a população e o país esperam uma solução. Só a troca do governo por si só vai elevar a confiança dos diversos setores e da população”, disse.
Dr. Ulisses (PSB) enxerga com bons olhos. “Cabe a justiça avaliar tudo que aconteceu mas a população quer uma economia que volte a crescer e uma indústria que volte a empregar. Eu vejo com otimismo tudo que está acontecendo e é hora da gente focar na economia e na indústria”, disse o vereador.
O vereador Moacir Romero, do PT, aposta na democracia e foca nos votos. “O Temer não teve nenhum voto. A última eleição que ele disputou foi pra deputado federal e não foi eleito. O PMDB governou duas vezes o país sem ter um voto sequer, e agora eles quererem governar sem ter votos porque sabem que se forem para as urnas não importa quem, jamais ganharão a eleição porque a população conhece a historia do PMDB nesse país”, afirmou. 
Já Alfredo Ondas, do partido de Temer, acredita numa gestão positiva mas teme relação com partidos de direita. “O Brasil hoje clama por recuperação do país e se existe alguém que é capaz de conduzir isso com serenidade e segurança é o Michel Temer. A única ressalva é que nós temos uma preocupação com uma aproximação intensa com uma direita que não se preocupa tanto com alguns ganhos que houve nesse tempo todo por parte da população pobre e carente”, concluiu o pmdbebista.
Pra encerrar, o NM ouviu o vereador Valdecir Duzzi (SD). Duzzi defende ser uma situação difícil para o país e diz “se a presidenta ficar no mandato não ia ter mais condição até mesmo de ter governabilidade por conta de tudo que aconteceu. Ela conseguir retomar o congresso nacional e o senado seria humanamente impossível. O Brasil precisa voltar a crescer melhorando a qualidade de vida do povo”.  

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE