AM: Rodoviária passa por troca de iluminação

A troca de 100 lâmpadas, a construção do mictório e a pintura do banheiro masculino fazem parte da manutenção do Terminal Rodoviário “Francisco Luiz Bendilatti”, no Campo Limpo, em Americana. Os retoques começaram há dez dias e serão entregues hoje à população.
 Os materiais básicos – como areia e blocos que foram usados no banheiro masculino do andar inferior – foram disponibilizados pela Prefeitura de Americana, além da mão de obra. Já a tinta, o rejunte e encanamentos foram doados em parceria com comerciantes da cidade. “A situação dos banheiros é uma das maiores reclamações da população e agora, as pessoas terão mais conforto”, disse o administrador da rodoviária, Tomaz Migliorelli, que adiantou que o banheiro ainda vai receber revestimento na metade de janeiro de 2018. Além do banheiro, 100 lâmpadas HO de 2,40 metros de LED, que também foram entregues pela administração municipal, substituirão lâmpadas queimadas por todo o local. “Com as novas lâmpadas, acredito que vamos economizar ainda mais na conta de energia elétrica da rodoviária. Em um ano, conseguimos diminuir os valores em quase 50%. Com a troca, haverá ainda mais economia”, disse o administrador. O Sistema Eletrônico de Informações (SEI) foi desenvolvido pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) como uma plataforma que engloba um conjunto de módulos e funcionalidades que promovem a eficiência administrativa. Trata-se também de um sistema de gestão de processos e documentos eletrônicos, tendo como principais características questionar o uso do papel como suporte físico para documentos institucionais e o compartilhamento do conhecimento com atualização e comunicação em tempo real. Com isso, elimina-se a tramitação de procedimentos em meio físico, promove a celeridade dos processos de trabalho, valoriza a coerência das decisões administrativas e favorece a gestão dos recursos humanos.
A gestão de sistemas que proporcionem mais agilidade, transparência e a possibilidade de coibir desperdícios, fraudes, mau uso do dinheiro público e, até mesmo, atos de corrupção está num estágio avançado dentro da Prefeitura, e a digitalização dos processos é apenas um desses mecanismos. Outro que chama a atenção é o relacionado à gestão da frota. Hoje, todos os carros da Administração, desde o ano de 2002, estão cadastrados, inclusive aqueles que já foram leiloados, estão em processo de leilão e, até mesmo, os locados que já foram devolvidos à empresa locatária.
Com essa base de dados é possível saber em tempo real, por exemplo, quando determinado veículo foi reabastecido. Por meio de um sistema de rastreamento, os gestores têm condições de saber os locais por onde os carros circularam, em quais horários e em qual velocidade transitavam. Isso evita práticas como abastecimento irregular, uso particular do carro e eventuais infrações por excesso de velocidade.
Os sistemas permitem uma série de outras facilidades como o gerenciamento da iluminação pública na cidade. Antes de sair para a troca de lâmpadas, o funcionário responsável já tem as informações sobre o poste, os tipos de lâmpada, ???braço??? e reator e, com isso, já sai preparado, com o material específico para aquela troca. Todos esses mecanismos permitem que se tomem decisões rápidas e, consequentemente, melhora o aproveitamento do tempo de trabalho.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE