Edit

Alta do dólar deve encarecer preços na RMC

A alta do dólar, que se manteve acima dos R$ 4 nesta quarta-feira (22), vai afetar o bolso dos consumidores na Região Metropolitana de Campinas. De acordo com o professor da Faculdade de Economia Paulo Ricardo Oliveira, responsável por estudos sobre Produção e Comércio Exterior no Observatório da PUC-Campinas, espera-se que os preços dos produtos finais subam em curto prazo.
???A indústria regional, que acumula déficits da balança comercial há 20 anos, é dependente das importações de insumos-chave para a produção local. A alteração no câmbio que poderia, de alguma forma, levar a substituição de fornecedores estrangeiros por nacionais, não ocorre, em razão da impossibilidade de atender a certos critérios de qualidade para muitos insumos. Com a alta do dólar, a importação se torna mais cara, aumenta os custos de produção e, consequentemente, o preço dos produtos que chegam ao consumidor???, analisou.
Este panorama acaba por minar, inclusive, o efeito positivo esperado da desvalorização do real nas exportações da região. Segundo o docente, com a elevação dos preços, o produto nacional perde competitividade externa. ???Assim, observa-se efeito nulo ou muito fraco no aumento das exportações???, concluiu Oliveira.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE